notícia

Vitória na raça

Botafogo faz virada histórica sobre o Flamengo no Pólo Aquático Feminino
Atualizado em 12-12-2014, 15h39

O Botafogo conseguiu uma grande vitória no Troféu Olga Pinciroli de Pólo Aquatico Feminino Adulto. Com uma virada espetacular, em jogo dramático, as alvinegras deram a volta por cima após estarem perdendo o jogo por 6 a 0. O placar final foi 8 a 7. O Botafogo já havia vencido o Paineiras, na última quarta-feira, por 17 a 9.

No encontro dos cariocas, o Flamengo começou melhor e venceu bem o primeiro quarto por dois gols e ampliou quando o jogo chegou a metade, com vitória parcial de 5 a 2. Mas a partir do terceiro período, o Botafogo, reforçado pelas experientes Brenda Villa, americana, e Alexandra Kiss, húngara, reagiu e venceu os dois últimos quartos por dois gols de diferença. Brenda já jogou pelo Botafogo em outras oportunidades e nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara/2011, perguntada se voltaria a jogar por um time brasileiro, ela respondeu: “só se for pelo Botafogo. Fiz muita amizade ali e gosto do clube”.

Filha de mexicanos e tricampeã dos Jogos Pan-Americanos (2003-2007-2011), Brenda Villa, 34 anos, possui quatro medalhas olímpicas: ouro em Londres/2012, prata em Sydney/2000 e Pequim/2008, e bronze em Atenas/2004. De quebra, ainda tem três títulos mundiais, um da Copa do Mundo e sete da Liga Mundial. Em 2001 foi eleita a jogadora do ano e a revista da FINA (FINA Aquatics World Magazine) a elegeu a jogadora da década (período 2000 a 2009).

Os gols do Botafogo foram de Brenda Villa (2), Alexandra Kiss (2), Luna Baptista, Manuela Garcia e das primas Lavatori, Adhara e Talitha. O Flamengo marcou com a canhota Ilana Pinheiro (3), as irmãs Canetti, Marina e Cecília, e ainda Lorena e Samantha Rezende.

O Botafogo jogou com: Marcela; Talitha,  Adhara, Brenda, Alexandra, Manu e Mariana Ribeiro. Entraram Mariana Paes, Luna, Carol e Joana. Marcaram: Talitha, Adhara, Manu, Alexandra(2), Brenda(2) e Luna.
O Botafogo esta reforcado com Brenda Villa(Americana) e Alexandra Kiss(Hungara).

O campeonato vai até a tarde do próximo domingo (14/12), no sistema de pontos corridos em turno e returno. A competição não terá empate. O vencedor no tempo normal contabiliza três pontos e o perdedor nenhum. Se houver igualdade no placar após os quatro períodos de oito minutos, o jogo vai para os penaltis, com o vitorioso levando dois pontos pra casa e o perdedor, um.

Assessoria de Imprensa