notícia

Cruzeiro 2 x 1 Botafogo

Alvinegro perde no Mineirão e segue com 33 pontos no Campeonato Brasileiro
Atualizado em 02-11-2014, 18:11

 

 

O Botafogo enfrentou o Cruzeiro, no Mineirão, em partida válida pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. A equipe mineira venceu por 2 a 1 e se manteve na liderança, enquanto o Alvinegro seguiu com 33 pontos.

Na 33ª rodada o time de Vagner Mancini enfrentará o Atlético Paranaense, sábado, às 21h, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. Faltarão seis rodadas para o fim do Campeonato Brasileiro.

O JOGO

Um jogo difícil contra o líder do Campeonato Brasileiro, fora de casa e com alguns desfalques importantes. Sem os lesionados André Bahia e Wallyson, o Alvinegro não encontrou vida fácil no Mineirão. Determinado, o Cruzeiro iniciou o jogo pressionando e logo chegou ao primeiro gol. Aos 5, Marquinhos levou a melhor sobre Rodrigo Souto, invadiu a área e bateu sem defesa para Jefferson. Cruzeiro 1 a 0.

Com a partida ainda no início, o Alvinegro precisava colocar a bola no chão e se acalmar, mas acabou sofrendo o segundo gol. Aos 15, Rodrigo Souto fez falta em Júlio Baptista e recebeu o cartão amarelo. Na cobrança, Egídio bateu colocado e ampliou a vantagem mineira. Cruzeiro 2 x 0 Botafogo.

O Alvinegro tentou jogar diferente e passou a ter um pouco mais a bola, mas acabou tendo dificuldades do meio para frente e pouco criou. Aos 34, o time ficou sem o comando de Vagner Mancini, que foi expulso de campo pelo juiz após uma discussão com o quarto árbitro. O auxiliar Régis Angeli passou a comandar o time.

Sem deixar de tentar, o Botafogo voltou para o segundo tempo e teve uma boa chance logo na primeira oportunidade. Régis cruzou para Carlos Alberto, que deu azar na finalização e não pegou bem na bola. Boa chance.

O Cruzeiro não deixou de ser perigoso e respondeu. Aos 2, foi a vez de Marcelo Moreno, que recebeu o cruzamento de Éverton Ribeiro na área e testou para fora. Júlio Baptista também arriscou e Jefferson defendeu com segurança.

Precisando do resultado, o Botafogo passou a jogar mais aberto e apresentou uma melhora. Aos 16, o Cruzeiro por pouco não marcou o terceiro com Marcelo Moreno em cabeçada que parou na trave. O Botafogo apostou na entrade de Jobson no lugar de Rogério e decidiu seguir atacando.

Aos 23, Jobson teve sua primeira boa chance. O atacante bateu firme no canto direito do goleiro Fábio, que foi no canto certo e fez boa defesa. Os mineiros chegaram outra vez com o zagueiro Dedé, que cabeceou e fez Jefferson executar outra grande defesa.

O Botafogo ainda chegou ao primeiro gol com Léo, contra, mas o dia não foi botafoguense e a vitória não veio. Ainda restam seis jogos até o fim do Campeonato Brasileiro e segue a luta pela permanência na Séria A.

BOTAFOGO: Jefferson; Régis, Dankler, Rodrigo Souto e Júnior César; Andreazzi (Airton), Gabriel, Bolatti (Ramírez) e Carlos Alberto; Rogério (Jobson) e Murilo.
Treinador: Vagner Mancini.

Marcos Silva