notícia

Só Alegria

Sub-17 vence Friburguense e está na semifinal da Taça Rio; Sub-15 goleia e chega ao G4
Atualizado em 18-10-2014, 21:40

O sábado foi de alegria para a garotada do Fogão. Jogando pela 11ª rodada da Taça Rio, o Glorioso venceu o Friburguense em duas categorias no estádio Eduardo Guinle, em Nova Friburgo. O Sub-17 bateu o time da casa por 2 a 0 e com isso se classificou para as semifinais da competição com 2 rodadas de antecedência. Lima e Matheus Fernandes fizeram os gols. No Sub-15, o Alvinegro goleou o adversário por 4 a 1 e chegou ao G4 do torneio. Os gols foram anotados por Enrico, Bruno Ribeiro, Wendell e Matheus Costa.

Na penúltima rodada da competição, ambas as equipes enfrentam o clássico contra o Fluminense no próximo sábado, no CEFAT, em Várzea das Moças.

Sub-17 vence Friburguense por 2 a 0 e está classificado para as semifinais da Taça Rio

Com a motivação de poder sair de Nova Friburgo já classificado com 2 rodadas de antecipação, o Botafogo entrou a campo disposto a mais uma vez trabalhar forte e buscar o resultado positivo.

Mantendo o padrão de jogo característico da equipe de pressionar o adversário no começo de partida, o time alvinegro trabalhou bem a bola durante os primeiros minutos. Em uma boa jogada da equipe aos 15, a bola chegou até Luis Henrique dentro da área e o atacante foi derrubado. O árbitro apontou a marca e deu pênalti. Lima foi para a cobrança e anotou o seu 13º gol. O camisa 7 é o artilheiro da equipe na competição. 1 a 0 Fogão.

Com a vantagem, o Glorioso controlou a posse de bola e investiu nas tabelas. Em uma delas, aos 25, Lucas Campos e Rickson tabelaram até a entrada da área. Rickson aproveitou a boa chegada de Matheus Fernandes de trás e rolou para o camisa 5 que bateu colocado fazendo um bonito gol. 2 a 0.

Na segunda etapa, as coisas não mudaram. A equipe alvinegra seguiu com o controle das ações e pressionado o time da casa. Em um dos muitos ataques botafoguenses, Lima lançou Luis Henrique entre os zagueiros. O camisa 9 finalizou com força no travessão, a bola ainda quicou na linha mas saiu.

Durante todo o segundo tempo, o Alvinegro seguiu melhor. Ion, Átila e Lucas Lopes por duas vezes tentaram ampliar o placar mas o resultado se manteve até o fim.

Final de partida. O excelente time comandado por Felipe Conceição está na próxima fase após uma campanha brilhante. Resultado merecido para todo o grupo que trabalha forte jogo a jogo e que vai dar dor de cabeça para os rivais nas fases finais.

Botafogo: Victor; Cassiano(Daniel), Kanu, Lyanco e Zyan; Matheus Fernandes, Rikson(Ion), Alison(Átila) e Lima(Mateus Jorge); Lucas Campos e Luis Henrique(Lucas Lopes).
Técnico: Felipe Conceição

Fora de casa, Sub-15 goleia Friburguense por 4 a 1 e chega ao G4 da Taça Rio

Diante de um adversário que não vive um momento bom na competição, o Botafogo entrou em campo destinado a sair com os três pontos. Apesar de jogar fora de casa, a equipe alvinegra não mediu forças e foi para cima do Friburguense.

Apesar de pressionar bastante durante toda a primeira etapa, o Glorioso não conseguiu converter o domínio do jogo e as chances perigosas em gols. Com isso, o placar não se alterou e o técnico Phelipe Leal pediu mais foco e concentração para a segunda etapa.

Na volta do intervalo, o papo pareceu dar certo. Enrico aproveitou bate rebate dentro da área e abriu o placar para o Glorioso. Um pouco depois, a equipe alvinegra teve um pênalti a seu favor. Bruno Ribeiro cobrou e fez 2 a 0.

Com a vantagem os meninos se sentiram mais tranquilos e as oportunidades que apareciam foram se transformando em gols, diferentemente da primeira etapa. Wendell fez o terceiro. O atacante recebeu dentro da área e chutou, a bola bateu no zagueiro mas voltou para ele que não perdoou. 3 a 0.

O quarto e último gol veio com Matheus Costa. O jovem fez boa jogada, entrou na área, cortou o marcador e finalizou de direita fazendo uma bonito gol. No fim, o Friburguense ainda descontou de pênalti.

Fim de jogo. Boa vitória da garotada fora de casa que ratifica definitivamente a equipe como uma forte candidata pelas 4 vagas para a próxima fase.

Botafogo: Julio César; Siqueira, Sanderson, Michel e Pedrinho; Magno, Bruno Ribeiro, Enrico e Erick; Matheus bastos e Wendell.
Suplentes: José, Cayo, Diego, Caio Alexandre, Lucas Barros, Alexandre e Matheus Costa.
Técnico: Phelipe Leal

Assessoria de Imprensa