notícia

Botafogo 1 x 0 Chapecoense

Com golaço de Ramírez, Glorioso se impõe e vence no Maracanã
Atualizado em 23-08-2014, 20:33

 


O Fogão voltou ao Maracanã e carimbou a vitória! Com um golaço do peruano Ramírez, o Alvinegro superou a Chapecoense por 1 a 0, em partida válida pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. No primeiro confrontou entre as equipes na história, o Glorioso levou a melhor e chegou aos 19 pontos na competição nacional, ocupando a 12ª colocação.

Na 18ª rodada o Botafogo enfrentará o Santos, domingo, às 16h, no Maracanã. Antes disso, pelo Copa do Brasil, o Glorioso jogará contra o Ceará, quarta-feira, às 22h, também no Maracanã.

O JOGO

Um primeiro tempo exemplar. O Botafogo entrou em campo diante da Chapecoense com um futebol aplicado e, principalmente, paciente. O adversário se fechou e foi do Glorioso a missão de jogar e criar chances.

A marcação sob pressão funcionou como pede Mancini nos treinos e as chances não demoraram a surgir. Edílson, em chutes fortes e de longa distância, assustou o goleiro Danilo. A Chapecoense tinha o contra-ataque como alternativa e chegou em duas oportunidades com Camilo e Ednei,mas Jefferson, seguro, evitou problemas maiores.

Intenso, o Glorioso, aos 29, teve nova chance na boa trama de ataque de Daniel. O meia carregou na área e tocou para Zeballos, que teve a posição de impedimento marcada de forma errada pelo auxiliar. Botafogo prejudicado.

Aos 31, a recompensa pelo esforço. O peruano Cachito Ramírez percebeu o goleiro adiantado e, do bico da grande área, bateu com estilo e encobriu Danilo. Belo gol e 1 a 0 Fogão!

Na segunda etapa, nada de facilidade e uma Chapecoense bem mais perigosa. Mancini alterou a equipe e colocou Yuri Mamute no lugar de Daniel. Aos 16, o primeiro susto. Camilo cobrou falta na área e Grolli cabececou no canto de Jefferson, que foi buscar e espalmou de forma providencial.

Aos 25, nova chance para a equipe de Chapecó. O atacante Bruno Rangel bateu da entrada da área, a bola bateu na trave, voltou nas costas de Jefferson e se perdeu pela linha de fundo. Melhor para Jefferson, que também mostrou ter sorte.

O Botafogo diminui a pressão, mas seguiu com mais posse de bola e finalizou mais. Aos 31, o confiante Ramírez experimentou novo chute de fora da área e obrigou Danilo a espalmar o perigo para longe.

Em suas últimas tentativas, a Chapecoense rondou a área alvinegra, mas não fez seu gol. Melhor para o Glorioso, que venceu na sua volta ao Maracanã e mostrou ao torcedor que pode render mais.

O time volta as suas atenções para a Copa do Brasil. Na quarta-feira, às 22h, o primeiro confronto de dois jogos diante do Ceará, no Maracanã.

BOTAFOGO: Jefferson; Edílson, Bolívar, André Bahia e Junior César; Airton (Bolatti), Gabriel, Ramírez e Daniel (Yuri Mamute); Zeballos (Sidney) e Ferreyra.
Treinador: Vagner Mancini

Confira a galeria de fotos da vitória do FOGÃO, nas imagens de Vítor Silva / SSPress!


Marcos Silva