notícia

Vontade de crescer

Atacante Rogério é apresentado como reforço para a sequência da temporada
Atualizado em 31-07-2014, 17:55

O Botafogo de Futebol e Regatas apresentou oficialmente o atacante Rogério, de 23 anos, como reforço para a sequência da temporada 2014. Tendo a velocidade como a principal característica, Rogério chega para ser mais uma opção do treinador Vagner Mancini, que já havia pedido mais uma peça para o setor ofensivo. Natural de Pesqueira, em Pernambuco, Rogério se destacou no Náutico e defendeu o Al Dhafra, dos Emirados Árabes, antes de chegar ao Botafogo.

Treinando com o grupo há 15 dias, Rogério já foi regularizado e pode estrear no Alvinegro. Ao lado do Diretor Técnico de Futebol Wilson Gottardo, o reforço foi apresentado em entrevista coletiva concedida no Stadium Rio.

- O Rogério é um atleta que tem uma boa experiência no futebol e, apesar da pouca idade, tem marcas na vida como profissional. Possui características que agrada o treinador e se encaixa no nosso perfil de trabalho por ser um atleta versátil e ter mais que uma função em campo - apresentou Gottardo.

Confira a galeria de fotos da apresentação oficial de Rogério nas imagens de Vítor Silva/ SSPress!



Natural de Pesqueira, no interior de Pernambuco, Rogério iniciou sua carreira com dificuldade. Aos 14 anos, o ainda menino atacante percorria 18 quilômetros de bicicleta até chegar aos treinos. Com passagens por Porto e Central, ambos do interior de Pernambuco, Rogério chegou ao Náutico e se destacou. Após uma passagem de 7 meses pelo Al Dhafra, dos Emirados Árabes, o jovem chega ao Botafogo para o seu maior desafio na carreira.

- Eu tenho metas na minha vida. Comecei no Pesqueira(PE) e minha meta era chegar ao Porto de Caruaru. Cheguei e meu desejo era jogar no Náutico, o que também realizei. Agora estou no Botafogo é uma honra jogar no clube que revela tantos jogadores para a seleção brasileira - contou o jovem atacante Rogério.

Ainda tímido, Rogério falou sobre o contato com o treinador Vagner Mancini, com quem trabalhou no Náutico e viveu seu melhor momento na carreira.

- Trabalhei com o Mancini no Náutico e tive uma das melhore fases na carreira. Fui vice-artilheiro do campeonato com 16 gols, consegui dar meu máximo e ele passou confiança para que eu pudesse jogar - contou Rogério.

Motivado pela sua trajetória de superação no futebol, Rogério garante que não se assusta com o desafio e que terá disposição de sobra para ajudar o Botafogo no Campeonato Brasileiro.

- Todos os jogadores passaram por dificuldades e eu fui mais um deles. Para começar eu fazia 18 quilômetros de bicicleta para chegar no treino, passava fome, mas nunca desisti. Sempre quando enfrentamos desafios temos que estar dispostos para superá-los - disse Rogério.

Após treinar pela segunda vez consecutiva no ataque ao lado de Emerson Sheik, o reforço é cotado para ser titular contra o Cruzeiro, sábado, no Maracanã. Pedido por Mancini devido a sua versatilidade, Rogério disse ter força de vontade o suficiente para se adaptar e ocupar outras posições em campo.

- No dia a dia a gente vai pegando amizade e entrosamento dentro de campo. Eu jogo mais pela ponta, mas se me colocar de meia, tanto pela esquerda ou pela direita, eu faço. Sempre tive muita força de vontade e nunca vou desistir - encerrou Rogério.

Marcos Silva