notícia

Um Botafogo vencedor

Diego Souza destaca competitividade da equipe para enfrentar qualquer adversário
Atualizado em 04-06-2019, 19:53

O Botafogo é Gigante, com uma torcida fiel, apaixonada e que anseia por um clube de fato Glorioso. E nesse espírito, do protagonismo pregado e trabalhado por Eduardo Barroca, que os jogadores crescem na temporada. Reforço importante para a temporada, o atacante Diego Souza disse em sua chegada que seria 'a favor pra cara***' e vem evoluindo. Com participação efetiva nas jogadas ofensivas e nos gols do Alvinegro, Diego também está com o faro do gol. Foram dois nos últimos dois jogos, sendo escolhido o homem do jogo na Copa Sul-Americana e decisivo diante do Vasco.

- Primeiramente fiquei muito feliz com a vitória. É sempre importante, traz um ambiente bom e todos trabalham com muita alegria para continuar essa clima. Fazer gol é sempre importante, tenho obrigação de fazer, mas não fico com isso na cabeça. A gente tem trabalhado em cima disso também e as coias tem acontecido com naturalidade. É claro que fazer gols é importante para justificar a sua posição. Sou um camisa 9 hoje que tem a obrigação de fazer os gols. Isso gera tranquilidade até para os nossos torcedores. Fiz dois gols em sequência e espero seguir ajudando a dar trabalho aos adversários - disse Diego.

O jogador também destacou o espírito da equipe, consciente do que pode fazer diante dos difíceis adversários do Campeonato Brasileiro. Fruto de muito trabalho e entrega coletiva. O próximo desafio será diante do CSA, fora de casa, domingo, e o Glorioso buscará a primeira vitória longe de seu domínio.

- São jogos super difíceis, as equipes são fortes em casa e sabemos da dificuldade que teremos. O CSA tem uma torcida que irá empurrá-los e temos que ter tranquilidade, fazer o nosso jogo, só assim, trazendo o jogo para as nossas características poderemos ter um bom resultado. Não tem como entrar no Campeonato Brasileiro pensando em ser rebaixado. O Campeonato é difícil e tem que ter essa seriedade sempre. Para recuperar é difícil quando perde. Não devemos nada pra ninguém, podemos enfrentar qualquer equipe de igual para igual. Enfrentamos o líder da competição e perdemos por um lance duvidoso. Dentro da partida e de todo contexto nós fizemos um bom jogo - disse.

Com 101 gols marcados em Campeonatos Brasileiros, Diego Souza ocupa a 3ª colocação no distinto grupo de maiores artilheiros na competição. O segundo colocado é Paulo Baier e o camisa 7 do Fogão já está piscando farol para ultrapassá-lo.

- Claro que quero buscar o Paulo Baier. Buscando ele é sinal que estou fazendo um trabalho bem feito. Fiquei sabendo que fiz meu centésimo gol no Campeonato Brasileiro quando fizeram uma matéria. Nunca fui de contar. Gosto de jogar futebol e sempre fui um meia que gostava muito de dar passes e hoje jogo numa posição que sou cobrado pelos gols - encerrou.

Assessoria de Imprensa