notícia

Quartas de final do NBB

Botafogo abre a série contra o Pinheiros nesta sexta, às 21h10, em General Severiano
Atualizado em 11-04-2019, 11:04

O Botafogo começa a série melhor de cinco pelas quartas de final do NBB nesta sexta-feira, às 21h10, em General Severiano. A equipe chega confiante após a classificação contra o São José, o bom desempenho na fase classificatória e os jogos recentes contra o Pinheiros, adversário da vez. Além da vaga nas semifinais em jogo, o Fogão também luta para voltar a uma competição internacional, como a Liga das Américas ou a Liga Sul-Americana.

Último atleta a chegar no elenco de Léo Figueiró,  Diego Conceição fez sua estreia no marcante jogo da Copa Super 8 contra o Pinheiros, onde o Alvinegro bateu o rival paulista fora de casa, e vem ganhando tempo de quadra. Na última sexta, o ala-pivô deu o toco que garantiu o segundo triunfo do Glorioso na série contra o São José e, consequentemente, a classificação. Diego falou sobre a expectativa para as quartas de final do NBB, da evolução alvinegra e sobre o apoio da torcida.

SÃO JOSÉ 

-  Uma classificação muito boa. A expectativa era de fechar na sexta e conseguimos. Dar chance a eles num terceiro jogo complicaria bastante. Foi uma partida muito nervosa e isso acabou nos atrapalhando na hora de matar o jogo, o que poderia ter acontecido no terceiro quarto. No fim, deu tudo certo e avançamos com moral. 

TOCO 

- Falamos de momentos capitais nos jogos e esse foi um deles. O time foi bem durante o jogo todo e, mesmo sem abrir uma grande vantagem, foi firme. No momento que precisou, no final, crescemos na defesa e retomamos a liderança. O Coelho também foi muito importante, ocupou bem os espaços e incomodou o ataque deles. Eu saí muito feliz por ter ajudado o time num momento decisivo de playoff, faltavam só 11 segundos e aquela bola poderia ter empatado a partida.

DEFESA

- Sempre foi o ponto forte do Botafogo. Quando eu cheguei, a defesa já era boa e conseguimos melhorar estatisticamente. Trabalhamos muito o ataque também, mas sabemos que o nosso time funciona melhor a partir da boa defesa. Sabemos que nos playoffs as médias de pontos abaixam, os jogos são mais tensos, mais pegados e isso pode nos credenciar ainda mais a buscar as vitórias porque já é o nosso natural. É o jogo que acostumamos fazer.

PINHEIROS

- É um jogo que bate com o nosso, jogamos três vezes, fizemos duas grandes partidas e ganhamos uma, que foi  no Super 8. O primeiro foi atípico, estávamos sem muitos atletas e não fomos bem. Eu, Cauê, Coelho, Jackson, muita gente fora e a dificuldade no revezamento acabou pesando. Nos outros, com todos disponíveis, fomos bem. A gente vê uma disputa muito boa entre esses dois times. Esses jogos nos deram muita confiança!

ADAPTAÇÃO

- Cheguei na metade do campeonato e estreei no Super 8. Não tava com tanta noção do sistema, mas foi bem bacana, principalmente pela vitória. E que vitória! De lá pra cá, tudo vem melhorando, o entrosamento tem subido, estou ganhando mais tempo de quadra e a confiança de todos. 

JOGO DE PLAYOFF

- É quente! Claro que todos os jogos são pra vencer, mas o playoff é o melhor momento do campeonato, o mais importante. A gente fica mais empolgado, as torcidas ficam mais vibrantes, você percebe no semblante que tá todo mundo com mais energia. Isso é o espírito de playoff! Temos que entrar com a faca nos dentes porque eles virão do mesmo jeito. 

TORCIDA

- É essencial. Temos uma torcida de futebol ao nosso lado que está vendo a nossa evolução e comprando a ideia desse time cada dia mais. Eles foram incríveis na sexta-feira, cantaram o jogo inteiro, empurraram a gente e fizeram a diferença. Tivemos muita dificuldade no último período, mas foi a hora que eles mais participaram e, na quadra, conseguimos puxar aquela última energia. Espero o Ginásio lotado nas  quartas de final e uma bonita festa.

CAMPEONATOS INTERNACIONAIS

- É um aditivo incrível. Já fizemos uma coisa muito bacana, que foi colocar o Botafogo nas quartas do NBB, mas não nos contentamos com isso. Temos jogadores que já jogaram a Liga das Américas, finais de NBB e campeonatos internacionais importantes. Saber que além da vaga pela semifinal estamos disputando uma vaga em torneios internacionais faz tudo se tornar ainda mais importante.

O jogo 2 das quartas de final acontece na próxima quinta-feira, às 20h, em São Paulo.

 

Walner Junior