notícia

Mentalidade vencedora

Zé Ricardo viaja confiante para confrontos decisivos em Salvador
Atualizado em 19-09-2018, 13:09

O Botafogo encerrou a preparação da semana que antecede dois confrontos em Salvador. O primeiro será diante diante Bahia, quinta-feira, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana. No domingo o adversário será o Vitória, pelo Brasileirão. Em entrevista coletiva no Estádio Nilton Santos o treinador Zé Ricardo reforçou que a busca pela vitória é inegociável para a equipe. 

- Temos que estar convictos do que a gente quer e a nossa situação não nos permite negociar qualquer outro resultado em Salvador que não seja positivo - disse o treinador. 

Confira os demais trechos da entrevista coletiva do treinador alvinegro:

QUEM JOGA NA VAGA DE ERIK?

- Pimpão ou o Luiz Fernando. Decido isso no treino de hoje. 

AGORA É SUL-AMERICANA

- Um campeonato diferente do Brasileiro. Dois jogos e 180 minutos importantes. As aspirações na Sul-Americana são grandes e esperamos fazer um jogo de igual para igual lá mesmo diante do forte time do Bahia. Buscar o resultado para trazermos uma vantagem para o Nilton Santos. 

DEDICAÇÃO MÁXIMA

- O que entendo é que a torcida tem razão e temos ambições na Sul-Americana. Temos que ter os pés no chão e avaliar para minimizar qualquer tipo de lesão. O time que entrar irá com força máxima por uma vantagem no Rio.

JOGOS DIANTE DO BAHIA NO COMANDO DO VASCO 

- É uma equipe muito forte e acredito que essa experiência possa trazer um aprendizado. Temos que estar concentrados para encararmos uma equipe bem competitiva. Amanhã precisamos ser competentes. 

FORÇA MÁXIMA

- Estamos levando 23 atletas para termos uma boa quantidade de opções. Não necessariamente repetiremos os atletas contra o Vitória, mas sim com o mesmo 

NÓS PODEMOS

- Boas memórias também nos faz acreditar que podemos. Temos um potencial grande e acredito no potencial deles. Ambas as equipes estão credenciadas para estar nesse momento.

MESMA PEGADA EM FOCOS DISTINTOS

- Pensar jogo a jogo. Lógico que nessa situação específica a Sul-Americana oferece um resultado financeiro, uma possibilidade de título. Não podemos diminuir a pressão positiva sobre nós e que possamos ter competência nesses jogos. Na Sul-Americana são dois jogos e isso tem que estar na cabeça dos jogadores e diante do Vitória teremos um adversário direto.

MARCOS VINICIUS E RENATINHO

- Ainda ficam conosco durante essa semana e esperamos que possam estar disponíveis para o jogo contra o São Paulo pelo menos para alguma parte do jogo. Tomara que possamos contar com eles.

Treino - 19/09/2018

Marcos Silva