notícia

Estudo e concentração

Saulo defende primeiro pênalti como profissional e cresce com oportunidades
Atualizado em 24-08-2018, 19:08

O goleiro Saulo cresce a cada jogo com a camisa do Botafogo e o céu é o limite para o jovem arqueiro alvinegro. Com as lesões de Jefferson e Gatito, foi dada ao mineiro de 23 anos a responsabilidade de assumir a meta alvinegra e diante do Palmeiras, fora de casa, Saulo defendeu seu primeiro pênalti como profissional, algo frequente em suas atuações pela base. Saulo falou sobre a satisfação em defender a cobrança de Dudu, creditou ao trabalho realizado com o preparador de goleiros Flavio Tenius e reforçou o trabalho sério realizado dentro do clube. 

- Primeiramente glória a Deus por ter defendido aquele pênalti. Fiquei muito feliz na hora, só não fiquei ainda mais pois estávamos com o resultado desfavorável e acabamos perdendo o jogo. A defesa mostra que o trabalho que temos feito está sendo bom e queria parabenizar também o Flávio Tenius e o meu companheiro Diego. Antes do jogo estudamos bastante os batedores e graças a Deus na hora do jogo eu pude acertar o canto do chute do Dudu, uma batida forte. Fiquei feliz por ter ajudado o time e isso me faz querer crescer cada vez mais - disse Saulo.  

Saulo também destacou o aprendizado com a sequência de jogos e se mantém confiante para ajudar o Botafogo pela recuperação no Campeonato Brasileiro. 

- Cada jogo é uma experiência nova, fico mais confiante para a próxima partida e quando isso acontece as coisas começam a fluir melhor, a comunicação dentro de campo... Temos enfrentado adversários difíceis e fico feliz por estar conseguindo colocar o meu trabalho em campo. Nosso momento é difícil, mas creio que o caminho da vitória vai voltar rápido. Procuro me manter confiante para seguir ajudando a equipe - destacou. 

Titular com a ausência dos dois ídolos da torcida, Saulo sabe da responsabilidade, mas também aproveita a oportunidade para agradecer o carinho e principalmente o apoio dos torcedores botafoguenses, pacientes e incentivadores com seu trabalho. Trunfo importante para o crescimento de um ativo do clube.

- Isso é importante demais para qualquer jogador, ainda mais para um goleiro jovem como eu. Me deixa confiante e animado para crescer mais. Fico feliz pelos elogios dos torcedores, o Botafogo está muito bem servido de goleiros com o Jefferson e o Gatito e ouvir elogios mesmo com esses dois gigantes dentro do clube me deixa muito satisfeito. Me motiva para crescer cada vez mais - encerrou. 

Saulo volta a campo neste sábado, contra o Sport, no Estádio Nilton Santos, às 21h. A partida em casa conta com ingressos em preços promocionais e ganha contorno decisivo na tabela do Brasileirão. O Botafogo é o 12º colocado com 22 pontos.

Marcos Silva