notícia

Botafogo 0 x 0 Ceará

Fogão empata no Estádio Nilton Santos e vai a 13 pontos no Brasileirão
Atualizado em 06-06-2018, 21h32

 

 
 

O Botafogo parou na retranca montada pelo Ceará e empatou em 0 a 0, nesta quarta-feira, no Estádio Nilton Santos. O time, que ficou com um a menos com a saída de Yago de ambulância, chegou a 13 pontos no Campeonato Brasileiro.

O próximo adversário é o Bahia, domingo, na Arena Fonte Nova.

O JOGO

Se antes da partida houve uma série de homenagens a Jefferson, que completou 454 jogos e se isolou como o terceiro jogador que mais atuou no Glorioso, quando a bola rolou a seriedade prevaleceu. O Botafogo tentou controlar as ações, o Ceará se fechou ao máximo. 

Tal cenário tornou o jogo amarrado e truncado, com poucos espaços. Moisés e Carli tentaram as primeiras no Botafogo ambas por cima. Aguirre também mandou sobre o alvo. Em troca de passes pelo chão, João Pedro achou Rodrigo Lindoso, que ajeitou e colocou, o goleiro pegou, aos 20 minutos.

O Ceará até esboçava sair para o jogo, com finalização de Felipe Azevedo defendida por Jefferson e cabeçada de Arthur para fora. Aos 38, chegou a fazer um gol com Rafael Pereira, bem anulado por impedimento. Mas era o Botafogo que era mais perigoso, com chute forte de Aguirre espalmado pelo goleiro e outro de Marcinho sobre o alvo.

No segundo tempo, o jogo mudou. O Botafogo teve mais dificuldades para encontrar espaços e foi ameaçado em finalizações de Pio. Quando encontrou um caminho, aos 21, Valencia enfiou, Moisés cruzou e Kieza cabeceou por cima.

O Botafogo perdeu Carli por lesão e, para piorar, quando já tinha feito as três alterações, Yago teve um forte choque com o goleiro adversário, saiu tonto e teve deixar o campo de ambulância, aos 36.

Mesmo com um a menos, o Fogão foi corajoso para partir para cima e tentar a vitória até o fim. Aos 42, Luiz Fernando cruzou e Kiea cabeceou para defesa do goleiro. Aos 43, Luis Fernando na área rolou para trás e Leo Valencia soltou a bomba para fora.

É verdade que o Ceará teve oportunidades no contra-ataque, com Pio finalizando para Jefferson espalmar por cima e com Douglas Coutinho sendo travado por Renatinho em lance perigosíssimo. Aos 54, na última chance, Renatinho teve sobra na entrada da área, a bola bateu na zaga, Kieza tentou, mas ela não entrou. Ficou mesmo 0 a 0.

GALERIA DE FOTOS (Vitor Silva / SS Press / Botafogo)

Botafogo 0 x 0 Ceará  

BOTAFOGO: Jefferson, Marcinho, Carli (Yago), Igor Rabello e Moisés; Rodrigo Lindoso, Jean e João Pedro (Renatinho); Leo Valencia, Aguirre (Luiz Fernando) e Kieza. Técnico: Alberto Valentim. 

Danilo Santos