notícia

Botafogo 0 x 1 Atlético-PR

Fogão perde no Estádio Nilton Santos e segue com 51 pontos no Brasileiro
Atualizado em 11-11-2017, 18h55

 

 

Em jogo em que não conseguiu apresentar seu melhor futebol, o Botafogo perdeu por 1 a 0 para o Atlético-PR, neste sábado, no Estádio Nilton Santos. O Fogão segue com 51 pontos, na quinta posição do Campeonato Brasileiro.

O próximo adversário é o Atlético-GO, quinta-feira, no Estádio Nilton Santos.

O JOGO

De volta ao Estádio Nilton Santos após vencer o Sport por 2 a 1 na Ilha do Retiro, o Botafogo não conseguiu reeditar boas atuações anteriores. O Atlético-PR fechou bem as saídas alvinegras e levou perigo com a bola no pé.

No início, jogo bem equilibrado. João Paulo arriscou uma por cima, Pablo mandou uma sobre o alvo. Aos 15, Arnaldo cruzou da direita, Pimpão cabeceou e Weverton pegou.

Com o lado direita bem fechado, o jogo alvinegro era mais pela esquerda. Aos 22, Marcos Vinicius recebeu na entrada da área, bateu forte, a bola desviou na zaga e ficou fácil para Weverton.

O Atlético-PR se soltou a passar a ter chances. Primeiro, aos 24, Guilherme chutou cruzado e Gatito espalmou. Aos 30, o atacante adversário recebeu na entrada da área e bateu, Gatito não conseguiu a defesa. Ficou a dúvida se a bola entrou, mas a arbitragem deu gol.

Em desvantagem, o Fogão voltou a ameaçar no fim do primeiro tempo. Pimpão tentou de voleio, para fora, e João Paulo mandou uma por cima. Na melhor chance, Bruno Silva cruzou e Pimpão bateu rente à trave.

No segundo tempo, o Atlético-PR cozinhou o jogo e passou um período sem correr risco. Aos 18, Lucho arriscou e Gatito pegou.

Já com Valencia e Guilherme em campo, o Botafogo se lançou ao ataque. Aos 26, o atacante limpou o lance  e bateu cruzado, Thiago Heleno cortou. Aos 31, Valencia fez bom cruzamento, Guilherme cabeceou para fora, bola que Weverton não chegaria.

A pressão foi até o fim. Valencia, Brenner, Bruno Silva, Guilherme e Rodrigo Lindoso tentaram, todos em vão. No último lance, Carli cabeceou e pediu pênalti, com toque no braço do defensor. O juiz marcou escanteio, voltou atrás e deu falta do zagueiro alvinegro. Fim de jogo.

GALERIA DE FOTOS (Vitor Silva / SS Press / Botafogo)

 

BOTAFOGO: Gatito, Arnaldo, Joel Carli, Emerson Silva e Victor Luis (Gilson); Rodrigo Lindoso, Bruno Silva, João Paulo e Marcos Vinícius (Valencia); Rodrigo Pimpão (Guilherme) e Brenner. Técnico: Jair Ventura.

Danilo Santos