notícia

Retorno feliz

Com um sorriso no rosto, Roger celebra volta aos treinos e reencontro com companheiros
Atualizado em 07-11-2017, 14:35

A terça-feira foi especial no Estádio Nilton Santos! Após a retirada de um tumor, o atacante alvinegro Roger deu uma ótima notícia para a torcida alvinegra e realizou nesta manhã o seu primeiro treino pós-cirurgia. O artilheiro reencontrou os companheiros de equipe, espalhou a alegria e mostrou muita vontade de voltar a fazer o que mais gosta.

Com um sorriso largo e inspirador, Roger trabalhou na academia e correu em volta do gramado. Logo após, concedeu entrevista coletiva para os jornalistas, onde falou sobre sua recuperação, sobre a ansiedade de voltar aos gramados e revelou sua torcida pelos companheiros para a partida diante o Sport, que acontecerá nessa quarta.  

- Dormi muito pouco a noite, não via a hora de poder estar correndo e abraçando o pessoal no vestiário. Que eles possam fazer um grande jogo em Recife para que possamos buscar essa vaga na Libertadores. Hoje é o dia mais especial da minha vida como atleta. Algo que parecia tão distante, mas hoje posso dizer que estou curado e muito feliz. - declarou.

CONFIRA OUTROS PONTOS DA ENTREVISTA:

PREPARAÇÂO PARA VOLTAR A JOGAR

- Não estamos projetando nada para agora e sim tentar fazer o máximo de treinos possíveis até a próxima semana para que me sinta melhor. Minha maior alegria é saber que estou totalmente curado e liberado pelos médicos para fazer o que mais amo. Acredito que preciso de no mínimo de quinze dias. Perdi muita massa, emagreci muito. Não quero queimar etapas, o que pode me atrapalhar e também ao grupo. Nessa semana eu quero correr, fazer minha musculação e na semana que vem vamos ver. Desde o início estava com isso na cabeça e acredito que possa jogar esses dois últimos jogos após vinte dias de treinamento. O Brenner está muito bem, fazendo gols e hoje é o titular da equipe. Volto para brigar por posição e ajudar a equipe.

AMOR PELO FUTEBOL

- Ficar em casa nem é tão bom assim como eu achei que era. Não gostei. Nos primeiros dias foi bacana, mas depois não. Sou acostumado com as viagens, com os jogos e ficar sem isso parece que me tiraram alguma coisa, um pouco do sentido. Pude buscar meus filhos na escola, jantei bastante com a minha esposa e fui à igreja, coisa que gosto bastante. Amo estar no clube, acordar cedo e trabalhar. Jogar futebol sempre foi o que sonhei e hoje me sinto como um menino que coloca a chuteira para fazer seu primeiro treino. 

RENOVAÇÃO

- A diretoria nos procurou, meu empresário fez uma proposta e estamos esperando uma resposta do clube. Sempre respeitando o Botafogo, o que o clube tem como limite. As coisas estão caminhando e sempre disse que o Botafogo tem prioridade. Muita gente me pergunta sobre outros clubes e espero o clube para depois pensar em outras coisas. 

PANORAMA DO CAMPEONATO

- O campeonato está muito difícil e o Corinthians tem grandes chances de ser campeão. Entendo que parte da torcida proteste, reclame. Sempre todos querem a vitória. Acompanhei a última partida e achei um pouco injusto com o Jair. Mas a Libertadores é muito possível para nós. O protesto aconteceu e acredito que merecemos um voto de confiança, esse grupo merece isso. Queremos jogar mais uma Libertadores e se Deus quiser logo logo vamos estar comemorando essa classificação.

Assessoria de Imprensa