notícia

Expectativa boa

Com duas Libertadores no currículo, Bolívar vê Botafogo forte para a competição
Atualizado em 10-01-2014, 19h19

Ser campeão da Libertadores não é uma tarefa das mais simples. Ser bicampeão então... É do que pode se orgulhar Bolívar. O zagueiro alvinegro conquistou a principal competição Sul-Americana duas vezes pelo Internacional e tem na experiência um de seus trunfos para 2014.

"Por tudo que já vivi, em três Libertadores e dois títulos, foi muita coisa positiva. Joguei na altitude, na Argentina, no Uruguai, em campos com dimensões menores. Sei da dificuldade da competição e da seriedade das equipes. Mas o Botafogo está preparado, tenho certeza", garante Bolívar, que está empolgado com a Libertadores.

"Sabemos da importância da competição e do glamour. É uma taça cobiçada por várias equipes de toda a América do Sul, é título de expressão grande. O Botafogo manteve uma base, o que facilita o entrosamento, e trouxe reforços como o Jorge Wagner, experiente, que já ganhou a Libertadores em 2006. Esperamos estar preparados já no dia 29, em um jogo muito complicado, porque queremos entrar na fase de grupos. Queremos fazer história dentro do Botafogo, nunca escondi isso. Conquistando Libertadores, o clube cresce e os jogadores aparecem cada vez mais", afirma o zagueiro.

No dia 29, o Botafogo estreia na competição contra o Deportivo Quito (EQU). Antes, porém, ainda há muito a se fazer. Em meio à pré-temporada, o elenco treinou nesta sexta-feira no Stadium Rio, antes de seguir viagem para Saquarema, onde ficará concentrado durante 6 dias.

"Será importante para conhecer bem os companheiros, treinar e fazer as refeições juntos. E é pré-temporada, não podemos medir esforços. Temos que render o máximo para colher os frutos na frente. Minha expectativa é muito boa", destaca Bolívar, ressaltando a qualidade e a intensidade dos treinos comandados por Eduardo Hungaro.

Danilo Santos