notícia

Nossos campeões

Com destaque para Uncas Tales, remadores do Botafogo fazem bonito no Mundial Sênior
Atualizado em 29-09-2017, 16:00

A participação dos atletas alvinegros no Mundial Sênior, em Sarasota, nos Estados Unidos, terminou nesta sexta, de forma muito positiva.  Campeão Sub-23 do Single Skiff Peso Leve, Uncas Tales foi o sexto colocado da final A na prova.  No Four Skiff, o Brasil teve quatro remadores alvinegros  e no Skiff, Lucas Vethein.

Esperança de madalha na tarde desta sexta, Uncas não conseguiu superar os rivais mais experientes e acabou na sexta posição. A vaga conquistada na final de maneira heróica coloca o jovem de 19 anos entre os melhores da categoria e traz esperanças ainda maiores para o futuro. O atleta do Botafogo, além de campeão do sub-23, também é detentor do recorde, e disponta como um dos maiores. 

No Four Skiff Peso Leve, o barco com Diego Nazário, Emanuel Dantas, Evaldo Becker e Aílson Silva, todos atletas do Botafogo, venceu a final C do Mundial. Somadas as posições, o quarteto do Glorioso ficou em 13º na classificação geral da competição.  Medalhista de bronze no Mundial Júnior de 2016, Lucas Verthein garantiu a 24ª posição entre 40 atletas envolvivos ao disputar a final D nesta sexta.

Mundial Sênior

Diretor de Remo no Alvinegro, Murad valorizou os resultados dos atletas na competição.

- A campanha foi ótima!  Uncas vindo de um título mundial no sub 23 e conseguir ser top 6 é fenomenal. Lucas foi 24 nesse mundial com 40 participantes. Ambos se apresentaram muito bem pela suas idades. O nosso Four PL com Ailson, Evaldo, Emanuel e Diego foi vencedora final C chegando em 13 lugar. O barco é bom e seguirá treinando para o próximo ano obter resultados melhores, o que acreditamos poder acontecer. Agora o foco é no estadual e no Brasileiro de Barcos Curtos. Estamos muito felizes com os resultados e o nível de entrega em Sarasota.

No próximo domingo, o Botafogo, líder, vai ao Estádio de Remo na Lagoa para a disputa da 5ª Regata Estadual. As provas começam a ser disputadas às 9h, e a Estrela Solitária vai forte para brilhar pela quinta vez seguida no Rio de Janeiro. 

 

Assessoria de Imprensa