notícia

Sem desespero

Pimpão pede inteligência para superar desvantagem e bater o Atlético-MG na quarta
Atualizado em 25-07-2017, 12:00

O Botafogo tem mais uma decisão pela frente nesta temporada. Na próxima quarta-feira, contra o Atlético-MG, no Estádio Nilton Santos, o Glorioso joga a partida de volta das quartas de final da Copa do Brasil. Em desvantagem no marcador - no jogo de ida, em Belo Horizonte, o Alvinegro acabou derrotado por 1 a 0 -, o time de Jair Ventura vai precisar vencer por dois gols de diferença para alcançar uma vaga entre os quatro melhores do torneio nacional.

Apesar da necessidade de gols, Rodrigo Pimpão acredita que a equipe não deve se expor. É preciso atacar sim, no entanto, sem esquecer a responsabilidade tática. De acordo com o atacante, será fundamental usar a inteligência, aliada à frieza, para construir o resultado e sair de campo com a desejada classificação. 

- Sabemos que temos que buscar o resultado e propor o jogo. Mas não adianta sair desesperado. Temos que usar a cabeça. Agredir sem perder a organização. Importante é estar ligado para aproveitar as chances e obter sucesso na conclusão - disse. 

Para o duelo, o Botafogo conta com um reforço de peso: o torcedor alvinegro. Até a última segunda-feira, cerca de 17 mil ingressos já tinham sido comercializados. Mobilização que faz a diferença, segundo Pimpão, que já espera ansioso por sentir a atmosfera do Estádio Nilton Santos na noite do jogo. 

- Representa muito pra gente saber que teremos a torcida ao nosso lado. Passa confiança. Sabemos que com eles somos mais fortes. Podem esperar muita luta da nossa parte. Vamos deixar tudo em campo - encerrou.

Fernando Morani