notícia

Botafogo 1 x 1 Atlético-MG

Com Jefferson inspirado, Fogão arranca empate no último minuto
Atualizado em 09-07-2017, 20h54

 

 

Nada como estar bem servido no gol! Em sua volta ao time, Jefferson teve atuação de gala, defendeu até pênalti e deixou o Botafogo vivo para arrancar o empate no último lance, em 1 a 1 com o Atlético-MG! Roger fez o gol do Glorioso, que chegou ao 16 pontos no Campeonato Brasileiro.

O próximo adversário é o Fluminense, quarta-feira, no Maracanã.

O JOGO

Na partida que marcou o retorno de Jefferson (no lugar do poupado Gatito), o goleiro teve grande atuação, fez ótimas defesas e pegou até pênalti. Porém, o Botafogo esteve abaixo do seu nível normal e teve dificuldades contra o Atlético-MG.

Antes dos 15 minutos, Marlone e Elias obrigaram Jefferson a realizar boas defesas. O Botafogo reclamou que Marlone deveria dar amareço por simulação e Bremmer por parar Pimpão quando este progredia livre. Na melhor chance, em falta na meia-lua, João Paulo ficou na barreira.

O Atlético-MG, que era perigoso, chegou ao seu gol em lance sem qualquer culpa de Jefferson. Marlone arriscou de fora da área, a bola desviou em Emerson Silva e entrou, aos 22.

Em desvantagem, ficou mais complicado para o Botafogo, que tentou abafar. Roger, de bicicleta, levou perigo e arrumou um escanteio. Carli cabeceou uma por cima. João Paulo entraria livre na cara do gol, mas Roger participou da jogada e a arbitragem marcou impedimento. Aos 43, Rodrigo Pimpão arriscou de voleio, Victor espalmou.

No segundo tempo, logo aos 2 minutos, o árbitro marcou pênalti de Emerson Silva, com excesso de rigor, por um toque no braço. Só que, na cobrança, Rafael Moura parou em uma grande defesa de Jefferson, explodindo a torcida!

O goleiro voltou a aparecer ao evitar gol de Yago, aos 4. O Botafogo tinha a bola, mas encontrava dificuldades em furar a defesa, não criando chances reais. Quando poderia, Victor Luis botou na frente, mas o cruzamento foi travado.

Quando parecia que o Galo  ampliaria, pois Cazares e Robinho saíram livres a frente de Jefferson, o goleiro alvinegro cresceu de forma incrível para evitar. Aí, o Fogão finalmente encontrou o espaço, Camilo tocou para Marcos Vinicius invadir a área e derrubado, aos 47! Na cobrança, Roger bateu, Victor espalmou e o artilheiro mandou para a rede, decretando o empate! Botafogo 1 x 1 Atlético-MG!

GALERIA DE FOTOS (Vitor Silva / SS Press / Botafogo)

 

BOTAFOGO: Jefferson, Arnaldo, Joel Carli, Emerson Silva e Victor Luis; Rodrigo Lindoso (Marcos Vinicius), Bruno Silva, Matheus Fernandes (Camilo) e João Paulo; Rodrigo Pimpão (Guilherme) e Roger. Técnico: Jair Ventura.

Danilo Santos