notícia

Fogo aceso

Carli quer Botafogo ligado em batalha no Uruguai pelas oitavas da Copa Libertadores
Atualizado em 03-07-2017, 18:52

Diante de tantas competições em pouco tempo, parece que demorou demais, mas enfim chegou a hora da Conmebol Libertadores Bridgestone. Nas oitavas de final após anular gigantes, o Glorioso irá ao Uruguai para o jogo de ida diante do tradicional Nacional, no Parque Central. Para a partida, força total, foco mantido e garra redobrada. Atenção no primeiro confronto para obter uma vantagem no jogo decisivo a ser disputado no Estádio Nilton Santos.  

- Acho que será um jogo para ficarmos muito ligados, não relaxarmos nunca. Eles terão o apoio da torcida e o campo é muito próximo dela. Um jogo bem com a cara da Libertadores. Temos jogadores experientes e estamos preparados para isso - disse o zagueiro Argentino Joel Carli.

Já com a atmosfera da competição entranhada na equipe, Carli falou como a Libertadores muda o ambiente. Principal objetivo da equipe.

- Inconscientemente o jogador se prepara de outra maneira para a Copa Libertadores. Todos os jogos são importantes, mas a Copa para nós é especial, diferente. Nosso foco principal está na Libertadores e sabemos que será difícil lá.

Carli sabe que o jogo no Uruguai será apenas o primeiro tempo da decisão, fala em inteligência para saber o momento certo de atacar e defender e conseguir uma boa situação para o jogo no Rio.

- Fazer um gol dá muita vantagem como visitante, mas também sabemos que não sofrer gols já é interessante para um bom jogo aqui. Bom, esperamos ganhar lá - encerrou.

Marcos Silva