notícia

Prazer, Arnaldo

Lateral-direito é apresentado oficialmente e cita orgulho em vestir a camisa do Botafogo
Atualizado em 19-05-2017, 19:00

O Botafogo apresentou nesta sexta-feira o lateral-direito Arnaldo, que se destacou no Campeonato Paulista pelo Ituano. Com características ofensivas interessantes, o jogador, que já vem treinando há uma semana com o elenco alvinegro, chega para somar e acrescentar nas jogadas da equipe pelos extremos. Aos 25 anos e honrado com a oportunidade, vê no Glorioso a realização de um sonho em sua carreira.

- Não me vejo como uma solução. Cheguei para ajudar. Emerson e Marcelo fizeram um bom papel, mesmo atuando fora de posição. Então quero contribuir da melhor maneira possível. Cheguei em um momento bom. Até comentei que fui pé-quente. Minha cabeça está tranquila. Todo jogador sonha em viver esse momento, vestir uma camisa pesada como a do Botafogo. Trabalhei pra isso e chegou minha hora. Tenho que fazer a mesma coisa que fiz nos outros clubes - disse.

Confira outros pontos abordados por Arnaldo:

JOGO CONTRA A PONTE

- Não me passou nada ainda. Pediu para eu trabalhar, fazer meu papel para quando aparecer a oportunidade aproveitar da melhor maneira -

CLASSIFICAÇÃO NA LIBERTADORES

- Comentei ontem, ficar de fora é bem pior. Fiquei até rouco na hora do gol. Mesmo fora, me senti lá dentro. A torcida foi fora de série, coisa de outro mundo. Tenho que aproveitar esse momento. Fui ao estiádio depois, muita festa e alívio. Percebi que o grupo recebeu muita crítica e mais uma vez provou que tem qualidade -

ANSIEDADE POR ESTREIA

- Já pensei, claro. Falei até com meu irmão. Acho que só vai cair a ficha quando o árbitro apitar. Cheguei aqui e não quero sair mais -

Fernando Morani