notícia

É diferente

Jair Ventura fala do clima para o Clássico Vovô
Atualizado em 22-03-2017, 14:22

O Botafogo voltará a campo com um novo clássico pela frente, desta vez contra o Fluminense, no Estádio Nilton Santos. O Alvinegro irá com força máxima para partida, que marcará a estreia do goleiro Saulo com a camisa do Glorioso. Em entrevista coletiva, Jair Ventura falou do clima para a partida e projeta a primeira vitória em clássicos no ano.

- O clássico dá um friozinho a mais na barriga e sabemos que o que acontece fica marcado por anos. O treinador está pressionado desde quando decide estar nessa função. Vencer é sempre bom, independentemente do adversário. Se tivéssemos vencido todos os clássico e não na Libertadores, seria cobrado por isso. Trabalhamos para vencer todos os adversários - destacou Jair Ventura.

Confira os demais trechos da entrevista coletiva de Jair Ventura:

MESMA RESPONSABILIDADE

- Ainda temos muito jogos e todos são como uma final. Não adianta ganhar um clássico e perder para o Madureira, como fizemos. Respeitamos todos e esse agora é o jogo da nossa vida. Falo isso para nossos jogadores.

ENCONTRO COM ABEL BRAGA

- O Abel é um profissional que sempre admirei e vai ser legal fazer um jogo com um professor de tantas histórias e títulos. Crescemos com essas situações. Ano passado fiz com o Levir, boa experiência também. Primeira vez que estarei frente a frente com o Abel. Vou lá dar um abraço e desejar sorte pra ele após o nosso jogo.

VIRTUDE É RECONHECER O ERRO

- A maior virtude do ser humano é reconhecer o erro. Quando não fizemos isso não melhoramos nunca. Fico feliz por ele ter reconhecido. Nunca falo nada sobre meus atletas e ele veio a publico reconhecer seu erro. Gosto muito do Sassá, fui treinador dele no Sub-20. Fico feliz por essa volta por cima dele.

FUTEBOL CHINÊS

- Sabemos que vão para China em busca de uma situação financeira, faz parte, e esse é o preço para voltar bem e readaptar ao futebol brasileiro. Sabemos da intensidade do futebol chinês, é diferente e atrapalha nessa readaptação.

CAMILO E MONTILLO

- Sabe o que está faltando? O gol. Quando um dos dois fizer um gol vocês param com essa pergunta. Mas o jogador é importante fazendo outras funções também. Depois que as bolas começarem a entrar vão falar sobre uma das melhores duplas do Brasil. Está quase lá, na portinha.

JOÃO PAULO

- O João começou muito bem, como titular, mas dei a chance para outro jogador e ele foi bem. Agora tem que matar um leão por dia para buscar seu espaço novamente. Foi um bom investimento para o clube, bom jogador e que irá nos ajudar na temporada longa que tivemos. Tem que estar lutando para estar pronto quando for necessário.

LATERAL-DIREITA

- O treinador quer contratar sempre, mas temos uma realidade financeira que não posso passar por cima. Estou com o clube e sei disso, inclusive temos tudo certo por parte da diretoria, que pegou um clube com muitas dívidas. O Luis Ricardo se lesionou e tivemos que nos reinventar. No Juniores também tem um menino que gosto bastante, o Fernando. Enfim, temos que nos reinventar sempre.

Marcos Silva