notícia

Força do capitão

Jair Ventura destaca importância de Carli e elogia postura de liderança
Atualizado em 04-11-2016, 13:40

Joel Carli foi o primeiro reforço anunciado pelo Botafogo no início da temporada e não decepcionou. Zagueiro argentino, de jogo firme e perfil de liderança, o gringo não demorou para se sentir em casa e desempenhar um bom papel no Glorioso. Claro que tudo tem um preço e o de Joel foi o período de adaptação ao futebol brasileiro, bem mais intenso ao que estava acostumado na Argentina. Com 26 jogos pelo Fogão e dois gols marcados, Carli é o capitão e peça fundamental no time de Jair Ventura. O comandante aprova.

- O Carli é importante. Sofreu muito com as lesões e na questão da adaptação. Jogava menos na Argentina e acabou sofrendo. Conseguimos montar treinos especiais para ele, com mais força e equilíbrio muscular. O tiramos de alguns treinos, é importante e estratégico para o desempenho dele. É o nosso capitão hoje e nos ajuda bastante. Tem uma boa leitura, me olha e já sei o que está querendo dizer - elogiou Jair.

Brincalhão no dia a dia, Carli é bem diferente com a bola rolando. Zagueiro de personalidade forte, o camisa 3 cobra de seus companheiros e briga pelos interesses da equipe no campo de jogo, o que acaba lhe rendendo alguns cartões amarelos. Jair Ventura destacou a vibração de Carli e acredita que a intensidade do jogador é positiva e ainda irá se ajustar ao tipo de arbitragem brasileira.

- Tudo na vida em exagero é ruim, mas não posso tirar a essência do jogador. Há momentos em que tem que falar e cobrar também. Claro que tem que ser com equilíbrio. Faz parte do papel de capitão. O Carli está sempre buscando as coisas para a equipe - elogiou o treinador.

Carli é presença confirmada na equipe que enfrenta o Flamengo, sábado no Maracanã. O zagueiro costuma ir bem contra o rival e inclusive já marcou um gol nos rubro-negros. O Glorioso ocupa a 5ª colocação no Brasileirão com 54 pontos somados.

O CRÉDITO DA FOTO É OBRIGATÓRIO: Vítor Silva/SSPress/Botafogo Carli comemora gol marcado contra o Flamengo no empate em 2 a 2 pelo Campeonato Estadual (Foto:Vítor Silva/SSPress/BFR)

Marcos Silva