notícia

São Paulo 0 x 1 Botafogo

Fogão vence no Morumbi com gol de Sassá no fim e vai a 23 pontos!
Atualizado em 14-08-2016, 18h14

 

 

Na abertura do segundo turno e estreia de Jair Ventura como técnico, uma grande vitória do Botafogo! Com um gol de Sassá nos minutos finais, o Fogão venceu o São Paulo por 1 a 0 no Morumbi, neste domingo, e chegou a 23 pontos no Campeonato Brasileiro. Um resultado importante para dar moral para o Glorioso.

O próximo adversário é o Sport, sábado, em Juiz de Fora.

O JOGO

Agora sob o comando de Jair Ventura, o Botafogo entrou em campo com o mesmo time que Ricardo Gomes escalava. Afinal, houve pouco tempo para treinos e mudanças. Também foram mantidos o equilíbrio defensivo e a consistência, como visto na etapa inicial.

O Botafogo começou tentando criar. Camilo deu uma escapada e cruzou, Maicon cortou. Aos 6 minutos, Camilo arriscou de longe para fora. A melhor oportunidade veio aos 9, quando Neilton roubou bola de Maicon e rolou, Canales finalizou, mas Lyanco foi mais rápido para chegar e desviar para escanteio.

Até que o São Paulo acordou. Após bom cruzamento de Buffarini, Chávez antecipou e cabeceou rente à trave. Em outra oportunidade, Chávez entrou driblando, ajeitou para a esquerda e bateu, Luis Ricardo se jogou e conseguiu cortar.

Quando o time da casa acertou a finalização, Sidão apareceu bem. Em sequência, ele fez duas boas defesas , em chutes de Thiago Mendes e Chávez, evitando o gol, aos 26. Chávez voltou a tentar aos 32, Renan Fonseca travou.

No segundo tempo, o São Paulo voltou fazendo pressão. Cueva levou perigo duas vezes seguidas, Kelvin cruzou e Sidão espalmou bola venenosa, Thiago Mendes desviou cruzamento e quase marcou. Mas parou nisso.

O Botafogo freou a insistência do rival, se reorganizou e só pecou em não acertar os contra-ataques. Sassá e Rodrigo Pimpão entraram para dar velocidade e força ao time, que corria poucos riscos.

No fim, foi o Fogão quem criou as melhores chances até fazer o gol decisivo. Pimpão teve boa chance e preferiu rolar para Neilton, travado por Maicon. Aos 48, Rodrigo Lindoso tocou, Diogo fez grande jogada e cruzou na medida para Sassá garantir os três pontos! Que vitória!

BOTAFOGO: Sidão, Luis Ricardo, Emerson, Renan Fonseca e Diogo; Airton, Bruno Silva (Rodrigo Pimpão), Rodrigo Lindoso e Camilo; Neilton (Fernandes) e Canales (Sassá). Técnico: Jair Ventura.

Danilo Santos