notícia

Botafogo 3 x 3 Flamengo

Fogão reage na Arena Botafogo, busca empate e vai a 17 pontos
Atualizado em 16-07-2016, 17h53

 

 

Não podes perder, perder pra ninguém. O Botafogo fez jus ao seu hino ao lutar muito e conseguir empatar um jogo que parecia complicado na inauguração da Arena Botafogo. O Fogão era derrotado por 3 a 1, mas foi buscar o 3 a 3 no fim da partida e chegou a 17 pontos no Campeonato Brasileiro. Diogo, Neilton e Salgueiro fizeram os gols alvinegros.

O próximo jogo é com a Chapecoense, no domingo (dia 24), fora de casa.

O JOGO

Na estreia da Arena Botafogo, torcidas animadas, presença do técnico da Seleção Brasileira (Tite), e um clássico muito disputado. O Botafogo foi melhor no primeiro tempo, mas saiu em desvantagem e teve de correr atrás do placar.

A primeira chance veio com Airton, que arriscou de longe, sem sucesso. Aos 12, Luis Ricardo e Sassá tabelaram, o lateral bateu prensado e ganhou o escanteio. Após a cobrança, Rodrigo Lindoso subiu e cabeceou na trave.

O adversário começou a ameaçar, primeiro com Mancuello em chute para fora. Pouco depois, Sassá pediu pênalti em lance com Jorge, não marcado. Aos 23, o Flamengo achou seu gol. Em jogada confusa, Marcelo Cirino errou e a bola sobrou para Everton marcar.

O Botafogo não desanimou em desvantagem e foi para cima. E não tardou para empatar! Aos 33, após boa trama do Fogão, Diogo acertou um chute lindo, de primeira, para vencer Muralha. Botafogo 1 x 1 Flamengo!

Ainda na etapa inicial, Rodrigo Pimpão arrancou pela esquerda, cortou para o meio e bateu cruzado, com perigo.

Depois do intervalo, o jogo voltou em ritmo mais lento e truncado. Contudo, o Flamengo novamente achou gol que o colocou em vantagem. Após roubada de bola no campo ofensivo, Jorge tabelou com Everton e desempatou. Para piorar, aos 22, Guerrero recebeu livre na área e fez 3 a 1.

Acabou o jogo? Derrota do Fogão? Que nada. Aqui é Botafogo! O time tirou forças para reagir, diminuir com Neilton aos 35 e empatar em um golaço de Salgueiro aos 37! Um Glorioso guerreiro e que luta até o fim, e que saiu reconhecido por sua torcida.

GALERIA DE FOTOS (Vitor Silva / SS Press / Botafogo)

 

BOTAFOGO: Sidão, Luis Ricardo, Renan Fonseca, Emerson e Diogo; Airton, Bruno Silva (Salgueiro), Rodrigo Lindoso e Camilo; Rodrigo Pimpão (Neilton) e Sassá (Canales). Técnico: Ricardo Gomes.

Danilo Santos