notícia

Coritiba 0 x 0 Botafogo

Fogão empata no Couto Pereira e vai a 16 pontos no Brasileiro
Atualizado em 09-07-2016, 18h27

 

 

O Botafogo foi até o Couto Pereira enfrentar o Coritiba e voltou com um ponto. O time alvinegro criou chances, teve bola no travessão e empatou em 0 a 0, resultado que o levou a 16 pontos no Campeonato Brasileiro.

O próximo adversário pelo Brasileirão é o Flamengo, no próximo sábado, às 16h, na estreia da Arena Botafogo. Antes, o Fogão enfrenta o Bragantino, quarta-feira, pela Copa do Brasil.

O JOGO

Mesmo diante de um adversário difícil de se enfrentar em seus domínios, o Botafogo foi a campo com uma escalação ofensiva: três atacantes. Camilo e Sassá, dúvidas durante a semana, começaram como titulares. O primeiro tempo foi equilibrado, com leve vantagem para o Coritiba.

Logo aos 3 minutos, o atacante Kazim se antecipou em cruzamento e finalizou com perigo. Em outra oportunidade, ele bateu da entrada da área, fraco, para defesa de Sidão.

O jogo era domínio territorial do Coritiba versus investidas rápidas do Botafogo em contra-ataques. O time alvinegro esteve perto de marcar. Aos 12, Neilton invadiu em velocidade, entrou na área, mas foi travado na hora da finalização. Já aos 16, Diogo deu belo passe, Camilo girou na área e chutou para grande defesa de Wilson. Aos 29, em bom contra-ataque, Luis Ricardo chegou pela direita, cruzou, mas a bola foi na rede pelo lado de fora.

Na reta final do primeiro tempo, o Coritiba partiu para a pressão. Só que Sidão salvou o Botafogo com duas defesas em chutes de Kleber, a segunda delas milagrosa. Aos 43, cruzamento na área, desvio no primeiro pau e o atacante, livre, completou, mas o goleiro alvinegro conseguiu evitar o gol sobre a linha.

Depois do intervalo, o ritmo do jogo caiu. O Botafogo levou perigo em investida de Airton, com chute cruzado para fora. O Coritiba respondeu no jogo aéreo, com cabeçada de Juninho que tocou na parte de cima do travessão. Mas a melhor oportunidade foi alvinegra. Aos 11, Sassá entortou seu marcador pela esquerda e cruzou, Emerson Conceição tentou cortar e acertou o travessão. Quase.

O Coritiba já não tinha tanta força para pressionar, o Botafogo desacelerou para controlar o jogo, de forma que poucas chances surgiram. Leandro e Fernandes entraram nos lugares de Neilton e Airton. Com mais posse de bola, o Glorioso tinha dificuldades em entrar na zaga adversária.

Se o time da casa ameaçou com finalizações de Ewandro e Vinicius, foi o Botafogo que teve a última chance, já no fim, e boa. Luis Ricardo roubou bola na intermediária ofensiva, ajeitou o corpo e bateu colocado, mas um pouco por cima. Ficou mesmo empate no Couto Pereira.

BOTAFOGO: Sidão, Luis Ricardo, Renan Fonseca, Emerson Silva e Diogo; Airton (Fernandes), Rodrigo Lindoso e Camilo; Neilton (Leandro), Sassá (Vinicius) e Rodrigo Pimpão. Técnico: Ricardo Gomes.

Danilo Santos