notícia

Estrela Brilhante

Entre 700 meninos, Lucca do BFR/Casa de España é selecionado para treinos no Barcelona
Atualizado em 12-05-2016, 11:50

O Botafogo, aos poucos, vai se consolidando no cenário nacional como um celeiro de grandes revelações para o futebol, por conta do grande trabalho realizado nas categorias de base do clube. Isso não é um processo simples e precisa começar desde muito cedo.

Com uma parceria alinhada, Botafogo e a Casa de España trabalham juntos para formar meninos no futsal e levá-los para o campo nas categorias menores. Esse foi o caso do jovem Lucca, um dos destaques do Sub-13 alvinegro, que hoje é protagonista de uma grande história.

13224136_1049123395172990_1540904459_o
Lucca é destaque no BFR/Casa de España.(Foto do título da Copa América de Futsal de 2015.)

Zagueiro, que também atua na lateral-direita, Lucca se inscreveu em um concurso de refrigerante. Nele o jovem alvinegro superou cerca de 700 candidatos e foi selecionado para passar por um período de teste no Barcelona da Espanha. Sua mãe Gisela é quem conta a interessante história.   

- A história foi a seguinte. O pai do Lucca chegou do trabalho com uma notinha de jornal onde mostrava a promoção que tinha como prêmio uma viagem para Barcelona para treinar. O Lucca me pediu para que o inscrevesse e assim eu fiz. 15 dias depois eu recebi um e-mail dizendo que ele tinha sido selecionado para as seletivas. Aí já foi uma alegria aqui em casa, afinal era uma possibilidade dele treinar no La Masia, sonho de qualquer criança. - contou.

13214897_1049168335168496_1541700721_o
Lucca em uma das seletivas que deu ao jovem a chance de ir a Barcelona treinar.

No meio disso tudo, Gisela lembrou de um fato curioso que quase atrapalhou o jovem Lucca a participar da primeira seletiva, mas assim que superado foi só alegria.

- A primeira seletiva foi num sábado pela manhã. Teríamos que estar no CFZ às 9h, mas o mais interessante foi que quando chegamos na garagem o carro não ligava de jeito nenhum, a bateria tinha arriado. Chamamos o Uber e fomos. Quando chegamos vimos aquele mundo de crianças. O Lucca não se intimou e me disse "Mãe, eu vou ganhar.". Dito e feito, ele jogou muito e passou para a segunda etapa junto com outros 42 meninos, que aconteceu no sábado seguinte. Desses 42, só dois passaram e o Lucca foi um deles. Foi muito legal! - disse Gisela.

Lucca, apesar de novo já tem bastante tempo de casa. O jovem defensor joga pelo Botafogo/Casa de España no futsal desde o 7 anos de idade e hoje integra a categoria Sub-13 do Alvinegro no campo. Inclusive, o menino estava no treino do Glorioso em Caio Martins no momento em que sua mãe recebeu a grande notícia.

- Quando saiu o resultado o Lucca estava treinando no Caio Martins e eu não conseguia falar com ele. A ansiedade de contar era tanta que eu liguei para um celular de um amigo para falar. Enfim, a partir dali foi só comemoração. Ficamos muito felizes e orgulhosos. - relembra a mãe.  

No dia 33/04, Lucca Lopes realizou seu sonho e embarcou para Bercelona. Lá conheceu o histórico estádio Camp Nou, assistiu a um jogo do Barcelona e o mais importante, passou três dias treinando na base do clube catalão.

13223678_1049123375172992_1438221107_o
Jovem alvinegro recebeu o diploma dos treinadores do Barcelona após os 3 dias de treino.

Bom aluno na escola e também dentro de campo, a mãe de Lucca credita ao professor Roberto Ponte da Casa España todas as coisas boas que vem acontecendo com o filho.

- O Roberto é o grande responsável por tudo isso. Ele é o maior incentivador do Lucca e, principalmente, um profissional muito competente que soube enxergar algum potencial nele, além de aprimorar e lapidar esse futebol. O Lucca chama ele de padrinho da bola. - agradeceu.

Sem dúvidas, o jovem Lucca vivenciou uma experiência incrível e o Botafogo possui muito orgulho de participar desse processo. Com histórias como essas é que base alvinegra se mostra cada vez mais forte.

Fabio de Paula