notícia

É CAMPEÃO!

Com a bênção de Garrincha, Botafogo vence o ABC por 2 a 1 e conquista a Série B
Atualizado em 21-11-2015, 23:17

 

 

Acabou! O Botafogo caiu, voltou no campo e encerrou 2015 com o merecido título da Série B. Em Brasília, o Glorioso venceu o ABC-RN por 2 a 1 com gols de Roger Carvalho e Willian Arão e garantiu a taça no Estádio Mané Garrincha. O Glorioso volta à elite com moral e uma consistente campanha.

O último compromisso do Botafogo na série B será no dia 28, contra o América-MG, no Estádio Nilton Santos.

O JOGO

O Botafogo entrou em campo no Estádio Mané Garrincha com a oportunidade de ser campeão dependendo apenas de suas forças. O ABC, adversário já rebaixado para a Série C, teoricamente seria um adversário mais fácil. Mas não foi. Sorte que o time de Ricardo Gomes entrou a todo vapor e tratou de incendiar o jogo logo no início.

O gol foi questão de tempo e veio aos 8. Daniel Carvalho cobrou escanteio, o goleiro Saulo saiu mal e Roger Carvalho, de cabeça, colocou o Fogão na frente! ABC 0 x 1 BOTAFOGO!

Dono do jogo, o Glorioso abriu o marcador, mas também viu um ABC vivo no jogo. O primeiro susto veio aos 15, quando Bismarck dominou e bateu para a defesa de Jefferson. O time de Natal pressionou e chegou ao empate, aos 23, com o gol marcado por Erivélton. O meia bateu com precisão e no canto de Jefferson. ABC 1 x 1 Botafogo.

Com o placar igual, o Botafogo fez a escolha certa e não recuou. Aos 32, os melhores em campo com a estrela solitária no peito fizeram a diferença. Neilton deixou Willian Arão na boa com passe preciso e o volante, como elemento surpresa, invadiu a área e só deslocou o goleiro Saulo. ABC 1 x 2 BOTAFOGO e título novamente nas mãos do Fogão!

A vantagem no marcador não acomodou o time, que voltou para o segundo tempo ligado e disposto a resolver logo a situação. No primeiro minuto, Daniel Carvalho por pouco não surpreendeu o goleiro rival após boa jogada. Defesa com os pés de Saulo. O ABC respondeu aos 7, em cobrança de falta de Ronaldo Mendes, mas Jefferson encaixou a bola e afastou o perigo.

E quem disse que pode ser fácil para o Botafogo? Não mesmo! O ABC-RN fez modificações e a galera do banco entrou com uma correria danada. Aos 24, Rafael Silva fez um salseiro em sua primeira participação e rolou para Chiclete, outro que vinha do banco para tentar estragar a festa. Chiclete até tentou grudar a bola na rede, mas Giaretta salvou o Fogão.

Ricardo Gomes repondeu e colocou Ronaldo e Elvis nas vagas de Navarro e Fernandes. O tempo virou inimigo, demorou a passar, mas nada tirava o brilho da estrela predestinada.

Apito final e Botafogo campeão! Um título que coroa o ano de resgate e reconstrução do orgulho do torcedor botafoguense. Um ano difícil, mas que foi superado. Que seja o início de uma nova era. Valeu, Fogo!

BOTAFOGO: Jefferson; Luis Ricardo, Roger Carvalho, Renan Fonseca e Diego Giaretta; Rodrigo Lindoso, Willian Arão, Fernandes(Elvis) e Daniel Carvalho; Neilton e Navarro(Ronaldo).
Treinador: Ricardo Gomes

Confira a galeria de fotos do título nas imagens de Vítor Silva/SSPress/BFR!


Marcos Silva