notícia

Por um final feliz

Pelo filho, Daniel Carvalho projeta volta à elite para coroar retomada na carreira
Atualizado em 06-11-2015, 20:25

O Botafogo está a uma vitória de carimbar o retorno para a primeira divisão do futebol brasileiro, lugar de onde nunca deveria ter saído. Com 65 pontos somados, o Alvinegro lidera a competição e pode coroar o ano de superação com três pontos diante do Criciúma, em Santa Catarina. Cenário bom para o Glorioso e especial para o meia Daniel Carvalho, que terá a oportunidade de alcançar seu objetivo justamente no estádio Heriberto Hulse, palco que atuava pelo Criciúma antes de frear a carreira.

- Vai ser um momento especial. O Criciúma foi o meu último clube antes de parar no futebol e hoje posso voltar com o objetivo de subir com o Botafogo. Eles me ajudaram em 2013 e lamento que estejam numa situação delicada, já que uma vitória nossa pode deixá-los a um ponto da zona de rebaixamento. Sabemos que o nosso principal objetivo é colocar o Botafogo novamente na Série A - disse Daniel Carvalho.

Daniel Carvalho viveu um ano de superação e mostrou bom futebol com a camisa alvinegra, contrariando a previsão de muitos e calando críticos. Pontos importantes para qualquer atleta, mas Daniel Carvalho se importa mesmo é com a alegria do seu filho João Paulo, incentivador e maior responsável pela sua volta aos gramados. O menino estará no jogo de sábado junto com a família de Daniel e entrará em campo com o pai. O meia alvinegro espera um final feliz para marcar de vez a boa relação entre pai e filho.

- com certeza será um dia especial pra mim e também pode ser para o Botafogo conseguir esse acesso. Não só meu filho, mas o meu afilhado, meus sobrinhos e minha mãe estarão aqui para prestigiar, e ver esse acesso do Botafogo - espera o meia.

Confira os principais trechos da entrevista coletiva de Daniel Carvalho:

JEFFERSON

- Ele com certeza vai estar nos acompanhando. É um líder dentro do grupo e vamos sentir a falta dele sem dúvida. Mas ele vai estar num bom momento com a seleção brasileira, um clássico contra a Argentina, e ele pode até estar um pouco triste por não estar conosco na semana que pode vir o título, mas estará no lugar que muitos gostariam de estar. Ele estará feliz de qualquer forma.

MANUTENÇÃO DE RICARDO GOMES

- Para o clube é importante. Ele já conhece um pouco a filosofia do Botafogo e, quanto aos jogadores, sabemos que a Série A é muito diferente da Série B, vão existir contratações e jogadores que vão deixar o clube, mas o Ricardo já está conhecendo a filosofia e trabalha muito bem com as pessoas da diretoria. Se o Ricardo ficar o Botafogo está bem servido.

PERMANÊNCIA NO GLORIOSO


- Não conversamos ainda. O Ricardo já falou comigo, mas com a diretoria ainda nada. Estou deixando rolar e até o dia 30 de novembro o Botafogo tem que me dar uma posição. se eu ficar será ótimo, mas se não continuar eu seguirei jogando futebol e sairei como um grande torcedor.

MOMENTO DE TER CALMA

- A ansiedade existe, mas estou mais ansioso para esperar meu filho chegar aqui, entrar em campo comigo e eu poder fazer um grande jogo. Essa ansiedade para subir não existe e nenhum jogador está assim, pelo contrário, todos estão com os pés nos chão. Deixamos a ansiedade da subida para o torcedor.

Confira a galeria de fotos do treino desta sexta-feira, realizado no Hotel em Nova Veneza(SC), nas imagens de Vítor Silva/SSPress!



Marcos Silva