notícia

Ceará 0 x 0 Botafogo

Fogão empata em Fortaleza e aumenta vantagem na liderança
Atualizado em 07-07-2015, 23h47

 

 

 

Em um jogo emocionante até o fim, o Botafogo teve chances de vencer, contou com grandes defesas de Jefferson e empatou em 0 a 0 com o Ceará, nesta terça-feira, na Arena Castelão. O Fogão chegou a 24 pontos e aumentou distância na liderança da Série B.

O próximo adversário é o Bragantino, sexta, no Estádio Nabi Abi Chedid.

IMG_3427
Jefferson teve grande atuação e foi decisivo no empate (Crédito: Christian Alekson / cearasc.com)

O JOGO


Com a necessidade de vencer para se recuperar no Campeonato Brasileiro da Série B, o Ceará começou o jogo se lançando para cima. Logo aos 2 minutos, cruzamento na área, Sandro chegou para cabecear e Jefferson veio dividindo para evitar o gol. Aos 7, Ricardinho teve sobra na entrada da área e bateu de canhota para fora, perigosamente.

Apesar de ter mantido o time que goleou o Sampaio Corrêa por 5 a 0, René Simões viu o Botafogo ter dificuldades na etapa inicial. Houve uma boa chance, quando Tomas arriscou uma bomba de fora da área para a defesa de Tiago, mas o Ceará teve mais posse de bola e foi perigoso. A velocidade de Fabinho e a armação e as finalizações de Ricardinho eram as principais armas.

Se Ricardinho finalizou duas vezes ameaçando o Botafogo, a resposta alvinegra veio com Luis Henrique. Diferenciado nas conclusões, o atacante acertou belo chute de fora da área aos 38, mas caprichosamente mandou no travessão.

Na etapa final, o Glorioso conseguiu frear o adversário e diminuir o ritmo do jogo. Ainda assimm, o Ceará assustava, com em chute cruzado de Fabinho para fora e cabeçada de Rafael Costa por cima. O Botafogo foi criar apenas aos 18, com Daniel Carvalho, clareando a jogada na frente da área e batendo rente à trave.

René Simões trocou Daniel Carvalho por Gegê e, posteriormente, Luis Henrique por Sassá. Em uma linda jogada de Willian Arão, Sassá recebeu em boas condições na área, podia batr, mas optou pela passe visando Tomas. Sandro se esticou para cortar e quase fazer gol contra, aos 31.

Após os 40, o Ceará intensificou a pressão e parou em três defesas espetaculares de Jefferson. Primeiro, após cruzamento da esquerda, o goleiro fez milagre em cabeçada de Fabinho e ainda pegou o rebote à queima-roupa de Rodrigo Silva. Depois, o camisa 1 do Botafogo e da Seleção brasileira fez grande intervenção em chute de longe de Roger Gaúcho.

No fim, vez do Botafogo ter duas grandes oportunidades. Luis Ricardo fez lance incrível, driblou dois mais o goleiro e rolou para Lulinha tocar para o gol, mas Vitor Luis tirar em cima da linha. Na outra chance, Willian Arão e Sassá tabelaram na área, porém o volante foi travado quase na pequena área. Ficou mesmo 0 a 0. Mais um ponto conquistado.

GALERIA DE FOTOS
(gentilmente cedidas pelo Ceará. Crédito: Christian Alekson / cearasc.com)



BOTAFOGO: Jefferson, Luis Ricardo, Renan Fonseca, Roger Carvalho e Thiago Carleto; Diego Giaretta, Willian Arão, Tomas Bastos (Lulinha) e Daniel Carvalho (Gegê); Rodrigo Pimpão e Luis Henrique (Sassá). Técnico: René Simões.

Danilo Santos