notícia

A todo vapor

Fora de casa, Sub-15 e Sub-17 do Fogão vencem Bonsucesso e seguem no G4 da Taça GB
Atualizado em 07-06-2015, 19:30

A manhã desse domingo(07/06) foi de vitória dupla para o Botafogo. Jogando fora de casa, no lendário estádio Leônidas da Silva, o Glorioso bateu o Bonsucesso em duas categorias. Na primeira partida, o Sub-15 alvinegro derrotou o rival por 2 a 0 com os gols de Pablo e Nhayson. Já no Sub-17, a garotada do Fogão goleou o adversário pelo placar de 5 a 0. Igor Cássio, Rickson, Amilcar, Wenderson e Fernando anotaram os tentos alvinegros.

Com os resultados, o Botafogo se manteve entre os quatro melhores colocados nas duas categorias. O Sub-15 ocupa a terceira posição com 23 pontos e a equipe Sub-17 está na vice-liderança com 22 pontos. No próximo sábado(13/06), ambas as equipes enfrentarão o Nova Iguaçu, no CEFAT, pela décima primeira rodada da competição.

Com gols de Pablo e Nhayson, Sub-15 vence Bonsucesso por 2 a 0 e está em terceiro na Taça GB

Em um local recheado de história e considerado por muitos um dos templos do futebol no Rio de Janeiro, Botafogo e Bonsucesso foram ao campo do estádio Leônidas da Silva, subúrbio do Rio, para disputar três pontos importantíssimos nessa etapa final da fase classificatória.

Mesmo jogando fora de seus domínios, o Botafogo não quis saber de ponderar os ataques e foi para cima. Tocando bem a bola, a equipe alvinegra teve sua primeira chance clara de gol aos 17 com Nhayson, que de cabeça conseguiu ganhar no alto e mandar para o gol, porém a bandeirinha assinalou impedimento e invalidou o lance.

O Glorioso seguiu na pressão ao rival e não demorou para abrir o placar, dessa vez de forma legal. Aos 25, o goleiro e o zagueiro do Bonsucesso se atrapalharam, a bola sobrou para Pablo, esperto, tocar com muita tranquilidade para o fundo das redes. BOTAFOGO 1 a 0 Bonsucesso.

No fim da primeira etapa, a partida ficou bastante movimentada. O time de casa assustou após um tiro livre indireto dentro da área, que terminou com uma conclusão sobre o gol alvinegro. Na sequência, o Alvinegro foi a ataque. Bola levantada na área, Nhayson novamente subiu e tocou de cabeça para o gol. Novamente a bandeirinha ergueu o braço e anulou o gol do capitão do Glorioso.

Assim como terminou o primeiro tempo, começou o segundo, com lances lá e cá. Antes do primeiro minuto, Elivélton arriscou um chute forte que levou perigo ao gol rubro-anil. Aos 4, o Bonsuça respondeu acertando a trave alvinegra. Aos 26, Pablo rematou de longe e também quase alterou o placar.

Porém, foi só aos 36 minutos que o marcador foi modificado. Elivélton cobrou escanteio pela direita, Nhayson outra vez se antecipou e testou firme para marcar pela terceira vez no jogo e dessa vez sem ninguém para anular. O lateral fez três para valer um e na comemoração despachou a má sorte. 2 a 0 Fogão!

Fim de jogo. Três pontos na conta e moral elevada para uma sequência difícil de partidas nas últimas três rodadas do torneio. Avante, galera. Rumo a classificação!

Botafogo: André Juan; Nhayson, Glauber, Pimenta(Bonvini) e Rufino; Yago(Pedrinho), Mateus Soares, Elivélton e João Bravo(Amaral); Barbosa(João Pedro) e Pablo(José). Técnico: Phelipe Leal.

Cinco atletas diferentes marcam, Sub-17 goleia Bonsucesso por 5 a 0 e é vice-líder da Taça GB

Sob um forte calor, as equipes juvenis de Botafogo e Bonsucesso entraram em campo ambicionando somar três pontos na classificação. O Glorioso chegou desfalcado de duas importantes peças, já que Luis Henrique e Matheus Fernandes estão na Seleção Brasileira, porém a equipe pouco sentiu e as peças de reposição de Felipe Conceição funcionaram com a mesma eficiência.

Logo no início, o Botafogo tomou conta do jogo. Com 6 minutos de bola rolando, a equipe alvinegra já havia por duas vezes com Amilcar e Jordan. Pressão total sobre o rival e o gol era só questão de tempo. Aos 14, Jordan chegou ao fundo pelo lado esquerdo e deu verdadeiro passe na cabeça de Igor Cássio que abriu o contador. 1 a 0 Botafogo.

Aos 27, bola tabela alvinegra pelo lado direito. Igor Cássio encontrou  Amilcar na ultrapassagem, o meia invadiu a área e soltou pé, a bola foi na rede pelo na lodo de fora. Quem acertou o lado de dentro da rede, foi Rickson. O meia arriscou da entrada da área e mandou no cantinho sem chances para o goleiro aos 32.

Na volta do intervalo. A única coisa que mudou foi a lado de campo, pois o Glorioso prosseguiu em cima e aos 2 minutos, novamente Jordan fez boa jogada pela esquerda, foi ao fundo e cruzou para Amilcar completar. 3 a 0 no placar.

Jordan, destaque alvinegro na partida, fez uma bela jogada individual aos 5 e quase marcou um lindo gol. Aos 12, Igor Cássio e Wenderson emendaram uma sequência de dois chutes fortes e obrigaram o goleiro rubro-anil a trabalhar bem.

O tempo passava e o Botafogo seguia num ritmo acelerado. Aos 22, Mateus Jorge rolou para Wenderson na entrada da área bater bonito no cantinho direito. 4 a 0 para o Glorioso. Para fechar a conta, mais um belo gol coletivo. Fernando, aos 43, recuperou a bola no meio de campo tabelou com Igor Cássio e saiu cara a cara com o goleiro para colocar números finais ao duelo. Bonsucesso 0 x 5 BOTAFOGO.

Apito final. Mais uma brilhante apresentação coletiva e que vai mostrando, a cada partida, que o time possui uma vontade de vencer absurda. Vem coisa boa por aí!

Botafogo: Diego(Matheus Cabral); Lucas César, Marco, Zyan e Jordan(Wenderson); Rickson(Marlon), Ion(Mateus Jorge), Fernando e Amilcar; Ezequiel(Tauan) e Igor Cássio. Técnico: Felipe Conceição.

CONFIRA A GALERIA DE FOTOS DAS PARTIDAS:

Fabio de Paula