notícia

Na dianteira

Sub-20 goleia Friburguense por 4 a 2 e alcança a liderança da Taça Rio
Atualizado em 20-05-2015, 18:40

Em partida válida pela quinta rodada da Taça Rio Sub-20, o Botafogo venceu a equipe do Friburguense por 4 a 2 e chegou a sua quarta vitória em cinco partidas disputadas na competição. Invicto, o Glorioso se tornou líder do torneio com 13 pontos, mesmo número de pontos de Vasco e Flamengo, porém os rivais ficam atrás pelos critérios de desempate. Paulo, Pachu, Luiggi e Marcelinho anotaram os gols do alvinegro no duelo.

O próximo desafio da equipe de Maurcio Ferreira será contra o Nova Iguaçu, no domingo, às 10h, no CT Nova Iguaçu.

O JOGO

De olho em objetivos distintos na tabela, Botafogo e Friburguense entraram no gramado do CEFAT, em Várzea das Moças, dispostos a duelarem pelos três pontos. Para equipe de Nova Friburgo, a vitória era importante para deixar a parte de baixo da tabela, já para o Glorioso um triunfo garantiria a equipe dentro do G4.

O confronto começou equilibrado com a bola sendo disputada lance a lance, mas o Alvinegro tratou logo de mostrar sua eficiência ofensiva dentro de casa e abriu o placar aos 8. Luiggi recuperou a bola e achou Leandro. O meia deu um corte no marcador e adiantou para Paulo bater de primeira cruzado sem chances para o goleiro. Botafogo 1 a 0 Friburguense.

Atrás no placar, o equipe visitante foi ao ataque e conseguiu um pênalti aos 11. O atleta da equipe de Nova Friburgo não desperdiçou e empatou a partida. Um pouco depois, aos 13, o Alvinegro voltou a assustar após falta cobrada na área por Mauro, o zagueiro Jhonata apareceu e finalizou por cima.

Melhor na partida, a equipe alvinegra não demorou muito para voltar a frente no placar. Aos 17, Moraes cobra lateral forte para Pachu, o atacante conseguiu ganhar do defensor no corpo e ficou livre para para fazer. 2 a 1, Fogão!

Até o fim da primeira etapa a partida seguiu morna e com poucas chances para ambos os lados. Na volta do vestiário, o Botafogo mostrou que voltou mais ligado e conseguiu marcar cedo. Aos 4 minutos, Leandro enfiou bola para Luiggi, o zagueiro e o arqueiro da equipe rival se atrapalharam e o volante acreditou até o fim para tocar na bola e mandar ela para o fundo nas redes. 3 a 1.

Mostrando muita força de vontade, o Friburguense manteve a esperança, continuou dificultando o jogo e aos 13 recolocou fogo no embate. Após bobeada alvinegra, o camisa 11 do adversário deixou o placar em 3 a 2. Porém, aos 32, Marcelinho que havia saído do banco, botou um ponto final no resultado. Flávio recuperou bola no meio e tocou para Erick pela direta. O lateral fez de um cruzamento, um passe para Marcelinho finalizar de cabeça e fazer um bonito gol. 4 a 2.

O árbitro ergueu o braço e apontou o fim do jogo. Vitória importante, que vai dando moral para a equipe continuar evoluindo de forma consistente rumo a classificação para as fases finais.

Botafogo: Gabriel; Erick, Rabello, Jhonata e Moraes; Luiggi, Leandro, Mauro e Luquinhas; Paulo e Pachu.
Suplentes: Victor Hugo, Dierson, Flávio, Marcinho, Lima, Marcelinho e Ribamar
Técnico: Mauricio Ferreira

Assessoria de Imprensa