notícia

Agora é com o René

Recuperado de lesão, Pimpão volta balançando a rede e acirra disputa no ataque
Atualizado em 19-03-2015, 20:08

O Botafogo é o dono do ataque mais positivo do Carioca, com 23 gols marcados, fruto da linha de frente goleadora da equipe. Jobson é o artilheiro com seis gols, Bill soma quatro e Tássio estreou e logo deixou o seu. Mas o que está bom pode melhorar e Rodrigo Pimpão, recuperado de lesão, voltou diante do Tigres e carimbou o segundo no Carioca. Dúvida boa para René Simões, que também conta com o útil Sassá.

Feliz com sua recuperação, Pimpão olha adiante e planeja uma sequência de jogos no Glorioso. O atacante acredita que será importante para o Botafogo contar com um elenco forte durante toda a temporada.

- O Botafogo estava desacreditado no começo do ano e nós mudamos essa imagem desde o início do trabalho. Quem chegou ao Botafogo esse ano quer mostrar trabalho e com os bons resultados cada jogador vai ganhando confiança - disse Pimpão.

Poupado do treinamento no campo, Pimpão trabalhou na academia e segue monitorado de perto para não queimar etapas em sua recuperação da lesão na coxa direita. O atacante quer estar 100% para não cair de rendimento.

- Fiz um trabalho diferente para ser poupado. Tivemos o jogo-treino e eu joguei por trinta minutos. Vou pegando o ritmo normalmente e não é bom precipitar nada. Sigo acompanhado por todos para que eu volte sem problemas - afirmou.

Pimpão chegou ao Botafogo com a vice-artilharia da Série B em 2014. O ano passado foi bom para o atacante, mas Rodrigo já traçou seus planos para a temporada com a camisa alvinegra.

- Ano passado eu pude fazer 20 gols e não foi por acaso, mas pelo trabalho e a confiança que eu conquistei durante a temporada. Tenho para esse ano o objetivo pessoal de marcar mais gols do que em 2014 - projeta o atacante.

A volta é o objetivo de Pimpão e o atacante terá pela frente uma dura concorrência. Jobson, seu substituto desde a lesão sofrida diante do Bangu, é o principal destaque. Nada que abale a confiança de Rodrigo e o bom ambiente dentro do grupo. Trabalho para o professor René.

- Fiquei feliz pelo Jobson porque é um jogador que estava precisando muito de gols e bons jogos. Conversávamos sobre essa volta dele e também foi importante pra mim. Temos grandes jogadores lutando pela vaga e o mais importante é que cada um faça o seu melhor para o Botafogo. A escolha fica por conta do René, estamos nos doando ao máximo e ele vai decidir quem vai jogar - analisou Rodrigo.

Para a partida diante da Cabofriense, domingo, no Moacyrzão, Pimpão espera ser útil novamente. O atacante falou sobre sua volta aos gramados com gol e projeta repetir a dose caso jogue diante da equipe da região dos lagos.

- Voltar após um mês e em dez minutos marcar um gol faz com que a confiança volte. Me sinto preparado para a próxima e espero estar em campo no domingo para ajudar como na última partida - encerrou Pimpão.

O Botafogo volta a campo no domingo, diante da Cabofriense, no Estádio Moacyrzão, em Macaé. A 11ª rodada promete ser movimentada, já que o líder Vasco, com 26 pontos, enfrentará o Flamengo no Maracanã e só pode pensar na vitória. O Glorioso segue na cola do cruzmaltino com apenas um ponto a menos e poderá ultrapassar o rival.

Marcos Silva