Mais dois pontos

Pelo Campeonato Carioca, Botafogo empata com Vasco por 1 a 1 e supera adversário nos pênaltis


Somando pontos! Na tarde deste sábado (23/10), pela sexta rodada do Campeonato Carioca, o Botafogo empatou com o Vasco em 1 a 1 e superou o rival na disputa de pênaltis por 5 a 3. O gol alvinegro foi marcado pela Kamilla. Contando mais dois pontos na tabela, o Glorioso segue invicto e soma 38 gols marcados na competição.

O próximo confronto será contra o Bangu, sábado (30/10), às 15h, no Caio Martins.

O JOGO

A primeira chance do Botafogo no ataque foi em uma cobrança de lateral da Chai, que lançou a bola na entrada da área e Juliana chegou para tentar o cruzamento, mas a defesa tirou para escanteio. Aos 10, Chai deu um passe longo de cobertura para Kélen e, mais uma vez, a zaga afastou. Aos 12, na jogada de ataque do adversário, Driely foi para a marcação individual e conseguiu interromper a jogada.

No lance seguinte, Ju recebeu a bola, fez o giro no campo ofensivo e deu o passe para Mylena. Na dividida com a goleira, o Botafogo ganhou o escanteio. Insistindo nas chegadas pela lateral esquerda, Kélen se infiltrou na área e deu o passe para Ju. De frente para o gol, a centroavante alvinegra quase alcançou a bola.

Aos 28, Vivian deu o passe para Juliana, que tentou o domínio na área, mas a goleira se adiantou e ficou com a bola. Em seguida, o Vasco tentou puxar o contra-ataque em velocidade. Chai e Driely chegaram fortes na marcação para fazer a interceptação e recuperar a posse.

Mais uma boa chance: aos 31, Ju recebeu a bola na área mais uma vez e tentou fazer o giro para finalizar. Com a forte marcação, preferiu dar o passe curto para trás. Mylena chutou de primeira e a goleira fez a defesa.

Logo depois, Ju deu o passe para Kamilla na intermediária. A camisa 7 do Fogão avançou e cruzou na área, a bola voltou e Bruna tentou o chute de primeira, passando perto do gol.

Aos 38, Ingrid precisou sair do gol e, no tempo certo, foi para a dividida, conseguindo afastar o perigo. Já no final da primeira etapa, Driely tocou no fundo, Kélen cruzou e Kamilla fez a infiltração para finalizar e balançar a rede, abrindo o placar do jogo.

O segundo tempo teve um início intenso e com muitas entradas duras. Aos 5, Driely recuperou a bola para o Botafogo na intermediária e sofreu a falta, precisando receber atendimento médico no campo. Aos 13, Kamilla deu o passe longo para Mylena, a atacante alvinegra correu para chegar na bola e a zagueira adversária se jogou para fazer a proteção.

Nos minutos seguintes, a equipe botafoguense sofreu o empate. Sem desistir de buscar a vitória em casa, as Gloriosas seguiram pressionando o time cruz maltino e buscando recuperação rápida quando perdiam a posse da bola.

Aos 24, Driely sofreu mais uma falta no meio de campo. A jogadora que cometeu a infração recebeu seu segundo cartão amarelo e foi expulsa da partida. A partir daí, as atletas do time adversário começaram a sentir incômodos físicos e o jogo levou um ritmo mais lento.

Próximo ao apito final, a goleira vascaína derrubou Kélen na área, mas foi marcado o escanteio. Fim do tempo regulamentar: Botafogo 1x1 Vasco. Como manda o regulamento da competição, as duas equipes foram para a disputa de pênaltis, na briga pelo ponto extra no clássico. Com muita segurança, boas batidas e uma cobrança defendida pela arqueira alvinegra, Ingrid, o Botafogo venceu por 5 a 3, somando dois pontos na rodada.

Botafogo: Ingrid; Bruna (Emily), Káren, Thamires e Chaiane; Vivian, Driely (Micaele) e Kamilla (Kailane); Myylena e Kélen; Juliana (Karol Lins). Técnico: Gláucio Carvalho.

Assessoria de Comunicação

Somando pontos! Na tarde deste sábado (23/10), pela sexta rodada do Campeonato Carioca, o Botafogo empatou com o Vasco em 1 a 1 e superou o rival na disputa de pênaltis por 5 a 3. O gol alvinegro foi marcado pela Kamilla. Contando mais dois pontos na tabela, o Glorioso segue invicto e soma 38 gols marcados na competição.

O próximo confronto será contra o Bangu, sábado (30/10), às 15h, no Caio Martins.

O JOGO

A primeira chance do Botafogo no ataque foi em uma cobrança de lateral da Chai, que lançou a bola na entrada da área e Juliana chegou para tentar o cruzamento, mas a defesa tirou para escanteio. Aos 10, Chai deu um passe longo de cobertura para Kélen e, mais uma vez, a zaga afastou. Aos 12, na jogada de ataque do adversário, Driely foi para a marcação individual e conseguiu interromper a jogada.

No lance seguinte, Ju recebeu a bola, fez o giro no campo ofensivo e deu o passe para Mylena. Na dividida com a goleira, o Botafogo ganhou o escanteio. Insistindo nas chegadas pela lateral esquerda, Kélen se infiltrou na área e deu o passe para Ju. De frente para o gol, a centroavante alvinegra quase alcançou a bola.

Aos 28, Vivian deu o passe para Juliana, que tentou o domínio na área, mas a goleira se adiantou e ficou com a bola. Em seguida, o Vasco tentou puxar o contra-ataque em velocidade. Chai e Driely chegaram fortes na marcação para fazer a interceptação e recuperar a posse.

Mais uma boa chance: aos 31, Ju recebeu a bola na área mais uma vez e tentou fazer o giro para finalizar. Com a forte marcação, preferiu dar o passe curto para trás. Mylena chutou de primeira e a goleira fez a defesa.

Logo depois, Ju deu o passe para Kamilla na intermediária. A camisa 7 do Fogão avançou e cruzou na área, a bola voltou e Bruna tentou o chute de primeira, passando perto do gol.

Aos 38, Ingrid precisou sair do gol e, no tempo certo, foi para a dividida, conseguindo afastar o perigo. Já no final da primeira etapa, Driely tocou no fundo, Kélen cruzou e Kamilla fez a infiltração para finalizar e balançar a rede, abrindo o placar do jogo.

O segundo tempo teve um início intenso e com muitas entradas duras. Aos 5, Driely recuperou a bola para o Botafogo na intermediária e sofreu a falta, precisando receber atendimento médico no campo. Aos 13, Kamilla deu o passe longo para Mylena, a atacante alvinegra correu para chegar na bola e a zagueira adversária se jogou para fazer a proteção.

Nos minutos seguintes, a equipe botafoguense sofreu o empate. Sem desistir de buscar a vitória em casa, as Gloriosas seguiram pressionando o time cruz maltino e buscando recuperação rápida quando perdiam a posse da bola.

Aos 24, Driely sofreu mais uma falta no meio de campo. A jogadora que cometeu a infração recebeu seu segundo cartão amarelo e foi expulsa da partida. A partir daí, as atletas do time adversário começaram a sentir incômodos físicos e o jogo levou um ritmo mais lento.

Próximo ao apito final, a goleira vascaína derrubou Kélen na área, mas foi marcado o escanteio. Fim do tempo regulamentar: Botafogo 1x1 Vasco. Como manda o regulamento da competição, as duas equipes foram para a disputa de pênaltis, na briga pelo ponto extra no clássico. Com muita segurança, boas batidas e uma cobrança defendida pela arqueira alvinegra, Ingrid, o Botafogo venceu por 5 a 3, somando dois pontos na rodada.

Botafogo: Ingrid; Bruna (Emily), Káren, Thamires e Chaiane; Vivian, Driely (Micaele) e Kamilla (Kailane); Myylena e Kélen; Juliana (Karol Lins). Técnico: Gláucio Carvalho.

Assessoria de Comunicação

OUTRAS NOTÍCIAS